Euforia na Nasdaq impulsiona bolsas latino-americanas

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

As bolsas latino-americanas fecharam em alta generalizada nesta terça-feira, influenciadas pela forte valorização dos índices norte-americanos. Às 15:48 do horário de Nova York, o Nasdaq Composite apresentava forte valorização de 9,70%, enquanto o Dow Jones Industrial e o S&P 500 registravam altas de 3,30% e 3,77%, respectivamente.
O índice Merval da Bolsa de Buenos Aires fechou em alta de 3,52%, recuperando as perdas de ontem. Segundo o jornal argentino Âmbito Financiero, o número de trabalhadores demitidos aumentou 128% em novembro em relação a outubro, evidenciando situação de recessão que em que o país se encontra.
Nesta terça-feira, o ministro da economia argentino, Jose Luis Machinea, declarou que confia no Senado para aprovação, ainda esta semana, do Orçamento para 2001. O Orçamento, que já foi aprovado com algumas modificações na Câmara dos Deputados na semana passada, é condição básica do FMI para a liberação do pacote de ajuda externa e, por isso, o governo espera que ele seja aprovado com urgência.
Os destaques de alta ficaram para as ações do Grupo Financeiro Galicia (+6,72%), Telefonica (+5,88%), Astra (+5,88%) e Perez Companc (+4,89%). Por outro lado, as únicas duas quedas entre os componentes do índice Merval ficaram para a Renault Argentina (-0,63%) e o Banco Galicia y Buenos Aires (-0,41%).
O índice IPC da Bolsa do México encerrou o pregão com variação positiva de 4,72%, acompanhando a tendência dos mercados latino-americanos. Segundo o ministro da Fazenda, Gil Francisco, o governo mexicano deverá entregar esta noite a proposta de Orçamento para 2001 na Câmara dos Deputados. Analistas mexicanos acreditam que o governo de Vicente Fox terá dificuldade para aprovar o Orçamento, pois nenhum partido possui maioria na Câmara ou no Senado. As maiores altas entre os componentes do índice IPC ficaram para as ações do varejista Walmart (+11,29%), do Grupo Televisa (+7,46%), do Grupo Sanborns (+7,14%), da Television Azteca (+6,41%) e da Apasco (+6,06%). Contrariando a tendência da bolsa, os destaques de baixa ficaram para as ações do Grupo Industrial Maseca (-6,64%), das Indústrias Penoles (-2,38%) e do Grupo Industrial Saltillo (-2,34%).
O IPSA da Bolsa de Santiago fechou em alta de 0,57%, destacando as ações das companhias energéticas Enersis e Entel. A expectativa que o aumento do preço da energia influenciará positivamente os lucros é a principal responsável pela valorização das ações destas companhias. Nesta terça-feira, a Corte de Apelações de Santiago suspendeu a ordem de prisão do ex-ditador chileno Augusto Pinochet, que estava sendo acusado de violações dos direitos humanos durante a ditadura (1973-1990).






















Outros mercados: Brasil Ibovespa 4,97%
Colômbia IBB-0,30%
Peru ISBVL 0,19%
Venezuela IBVC 2,39%

Compartilhe