Vence certame

Equatorial vence leilão de privatização da Companhia de Eletricidade do Amapá

Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) é responsável pela distribuição de energia no Estado do Norte do país

A Equatorial Energia (EQTL3) venceu nesta sexta-feira (25) o leilão de privatização da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), responsável pela distribuição de energia no Estado do Norte do país.

A CEA opera atualmente por meio de concessão provisória, atendendo cerca de 830 mil habitantes.

Como vencedora, a Equatorial deverá responder por R$ 3 bilhões de investimentos pelo período de 30 anos.

A companhia, no certame, fez a única oferta pela CEA, que foi adquirida por um valor simbólico. O novo controlador, porém, terá de assumir passivos precificados em cerca de R$ 1 bilhão.

O vencedor do leilão foi definido por uma combinação de valores de outorga e tarifa.

Na avaliação do Credit Suisse, a notícia é positiva para a Equatorial, embora a CEA seja um ativo pequeno, com um upside limitado. “O ritmo de reversão e as sinergias potenciais com as distribuidoras de água (a serem leiloadas no segundo semestre) poderiam apoiar um valor presente líquido adicional com a operação”, afirmam os analistas do banco suíço. Às 14h50 (horário de Brasília), os ativos EQTL3 tinham leve baixa de 0,12%, a R$ 25,40.

(com Reuters)

Curso gratuito do InfoMoney mostra como você pode se tornar um Analista de Ações. Inscreva-se agora.