BTC como moeda

Em reunião com países emergentes, presidente de El Salvador promove adoção do Bitcoin

Nayib Bukele está recebendo representantes financeiros de 44 economias em desenvolvimento na reunião anual da Alliance for Financial Inclusion

Por  Andrés Engler -

O presidente de El Salvador, Nayib Bukele, está promovendo o uso e a adoção do Bitcoin (BTC) para 32 bancos centrais e 12 autoridades financeiras de economias emergentes presentes na reunião anual da Alliance for Financial Inclusion (AFI), uma aliança global de liderança política. O político é o anfitrião do encontro.

O evento, que começou na segunda-feira (16) e terminará na quarta-feira (18), aborda temas como inclusão financeira e economia digital, além dos benefícios que El Salvador obteve ao se tornar o primeiro país do mundo a adotar o Bitcoin como moeda de curso legal no ano passado, disse Bukele.

Segundo o político, entre os países participantes estão Paraguai, Haiti, Honduras, Costa Rica e Equador da América Latina; Angola, Gana, Namíbia e Uganda da África; e Bangladesh, Palestina e Paquistão da Ásia.

A AFI voltou a fazer suas reuniões presenciais após dois anos de pandemia, e atualmente realiza encontros anuais para seu Grupo de Trabalho de Serviços Financeiros Digitais e para o Grupo de Trabalho de Finanças para Pequenas e Médias Empresas em El Salvador.

“El Salvador, que se juntou à rede AFI em 2012, fez um progresso significativo no aproveitamento de serviços financeiros digitais para promover a inclusão financeira de indivíduos e pequenas empresas”, disse o diretor de implementação e programas de políticas da AFI, Eliki Boletawa, em comunicado.

A tentativa de El Salvador de promover o Bitcoin entre os países em desenvolvimento ocorre em meio a uma disputa com o Fundo Monetário Internacional (FMI), que em janeiro recomendou que o país da América Central voltasse atrás e abolisse o uso do BTC como moeda legal devido aos riscos financeiros e passivos criados.

Em março, El Salvador decidiu adiar sua oferta planejada de US$ 1 bilhão em títulos de Bitcoin por causa das condições desfavoráveis do mercado, disse o ministro das Finanças do país, Alejandro Zelaya.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe