Em junho, 75% dos negócios com carros usados tiveram financiamento

De acordo com o levantamento da Assovesp, o prazo médio dos financiamentos também ficou estável no período, em 40 meses

Por  Equipe InfoMoney -

SÃO PAULO – Os financiamentos de veículos continuam em alta. No sexto mês do ano, 75% dos negócios envolvendo carros usados obtiveram algum tipo de financiamento, exatamente o mesmo percentual de maio.

De acordo com os dados divulgados nesta quinta-feira (05) pela Associação dos Revendedores de Veículos Automotores no Estado de São Paulo (Assovesp), o prazo médio dos financiamentos também ficou estável no período, em 40 meses.

Saldo financiado e valorização

Ao contrário dos outros indicadores, o saldo financiado diminuiu novamente entre maio e junho deste ano, passando de 76% para 68% do valor do negócio. As trocas também caíram, 16 pontos percentuais no período, indo de 68% para 52%.

Ainda segundo a Assovesp, a valorização média ficou negativa, em 0,01%. Para os veículos com 10 anos ou mais, foi igual a 0,41%; para os com idade entre 5 a 9 anos, 0,18%; e para os de até 4 anos, houve desvalorização de -0,25%.

Os carros populares apresentaram valorização igual a 0,01%; os movidos a álcool perderam -0,15% do valor; e os veículos flex tiveram valorização de 0,35%. Por fim, os carros importados desvalorizaram -0,90%, como reflexo da valorização cambial do Real.

Vendas 5,29% maiores

A comercialização de veículos usados aumentou 5,29% em junho, na comparação com o mês anterior. No total, 127.819 negócios foram realizados, contra 121.400 em maio.

Deste total de veículos, 70% ou 89.473 tinham motor 1.0, o que representa um decréscimo de 5,51% sobre o montante do quinto mês do ano (94.692).

Motos e caminhões

Em junho, 8.907 motocicletas foram comercializadas, o que significa uma queda de 9,52% frente ao mês anterior. No total, 71% dos negócios foram financiados, em um prazo médio de 36 meses e com 81% do valor financiado.

Já a venda de caminhões cresceu 6,64% no sexto mês do ano, atingindo 5.302 negócios. Destes, 66% foram financiados, sendo que o prazo médio foi de 44 meses e o saldo financiado, de 76%.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Compartilhe