Temporada de balanços

EDP (ENBR3) registra lucro de R$ 809 mi no 4º trimestre, alta de 15,6%; anuncia dividendo

Em 2021, a elétrica lucrou R$ 2,159 bilhões, incremento de 43,2% na comparação com 2020

Por  Equipe InfoMoney -

A EDP Brasil (ENBR3) reportou lucro líquido de R$ 809 milhões no quarto trimestre de 2021 (4T21). O resultado representa um crescimento de 15,6% em relação ao mesmo período de 2020.

Em 2021, a elétrica lucrou R$ 2,159 bilhões, incremento de 43,2% na comparação com 2020.

A receita líquida somou R$ 2,9 bilhões no 4T21, alta de 19,5% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Segundo a EDP, o desempenho se deve a reajustes tarifários das distribuidoras, com efeito médio percebido pelo consumidor de 12,39% na EDP SP e de 9,75% na EDP ES; e maior reconhecimento de VNR (+R$ 4,5 milhões), resultante do aumento do IPCA entre os períodos comparados.

Leia também:

O lucro antes do juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) caiu 4% na comparação com igual etapa de 2020, totalizando R$ 1,341 bilhão.

A margem bruta da companhia foi de R$ 1,461 bilhão entre outubro e dezembro de 2021, retração de 20,1% na comparação com igual etapa de 2020.

O resultado financeiro líquido foi negativo em R$ 289,1 milhões no 4T21, piora de 41,6% sobre as perdas financeiras em relação à igual etapa de 2020.

Em relação à dívida líquida, a companhia informou que houve um aumento de 28,4%, a R$ 7,880 bilhões.

Dessa forma, o índice de alavancagem, medido pela relação entre dívida liquida e o Ebitda ajustado foi de 2 vezes, mantendo-se estável em relação ao 4T20.

A EDP investiu R$ 695 milhões no quarto trimestre do ano passado, elevação de 4,4% em relação ao mesmo período de 2020.

A empresa anunciou nesta quarta-feira que pagará dividendos e Juros sobre Capital Próprio (JCP) de R$ 1,2 bilhão, o que representa R$ 2,18 por ação.

Em 29 de dezembro, o Conselho de Administração aprovou o pagamento de Juros sobre o Capital Próprio no montante de R$ 454,8 milhões, correspondente a R$ 0,79 por ação, relativos ao exercício de 2021. A Companhia levará para deliberação na Assembléia Geral Ordinária (AGO), no dia 05 de abril de 2022, dividendos totais no valor de R$ 803 milhões, equivalente à R$ 1,39 por ação, totalizando R$ 2,18 por ação.

Análises

O Credit Suisse diz que a EDP Brasil apresentou resultados regulatórios melhores do que o esperado, refletindo números de geração acima do estimado, liderados por unidades hidrelétricas (melhores vendas de energia), apesar de números mais fracos das unidades de distribuição.

Os números reportados foram auxiliados pelos impactos do IFRS na unidade de transmissão, contabilização do VNR e venda não recorrente de ativos, parcialmente compensados ​​pelo impairment na unidade Pecém.

Além disso, o banco destaca o anúncio de R$ 803 milhões em dividendos (6,8% dividend yield).

O banco mantém avaliação outperform (desempenho acima da média do mercado) para EDP, e preço-alvo de R$ 24,80, frente a cotação de terça-feira (15) de R$ 20,36.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe