Dow Jones cai, S&P 500 e Nasdaq sobem com projeções de corte de juros após dados

Os rendimentos dos Treasuries caíram inicialmente para mínimas de dois meses depois do relatório da ADP

Reuters

Foto: Reuters

Publicidade

(Reuters) – O S&P 500 e o Nasdaq subiam nesta quarta-feira, com os investidores reforçando as apostas em um início mais cedo do que o esperado do ciclo de afrouxamento monetária pelo Federal Reserve, depois que vários relatórios sinalizaram um enfraquecimento do mercado de trabalho e desaceleração do crescimento dos Estados Unidos.
Megacaps como Nvidia, Microsoft e Amazon.com ganhavam entre 0,3% e 2,5%, enquanto o Philadelphia SE Semiconductor Index subia 2,2%.
As ações de tecnologia tinham alta de 1,1%, liderando os avanços setoriais. Entretanto, a maioria dos outros setores do S&P 500 caía.

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de crescimento para os próximos meses e anos
Os rendimentos dos Treasuries caíram inicialmente para mínimas de dois meses depois que relatório da ADP mostrou que os empregadores privados criaram 152.000 vagas em abril, significativamente abaixo da previsão.

Operadores agora esperam quase 48 pontos-base de afrouxamento este ano, de acordo com o aplicativo de probabilidades de taxas do LSEG. As expectativas para uma redução dos juros em setembro estão agora em quase 69%, contra menos de 50% na semana passada, de acordo com a ferramenta FedWatch da CME.
Separadamente, uma pesquisa do Instituto de Gestão de Fornecimento mostrou que a atividade do setor de serviços ficou em 53,8 em maio, melhor do que a expectativa de 50,8.
Os investidores agora aguardam o relatório de criação de vagas de trabalho fora do setor agrícola do governo na sexta-feira, para uma avaliação abrangente do mercado de trabalho.
O Dow Jones caía 0,17%, a 38.646,55 pontos. O S&P 500 tinha alta de 0,47%, a 5.316,28 pontos, enquanto o Nasdaq Composite avançava 1,08%, a 17.039,11 pontos.