Dow e S&P 500 sobem, Nasdaq na contra-mão

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

As bolsas norte-americanas fecharam em alta no pregão de hoje, com exceção da bolsa eletrônica Nasdaq. Analistas de mercado esperam um volume financeiro pouco expressivo nos pregões que ainda restam neste ano, na ausência de novos indicadores econômicos e de revisões de resultados por parte das empresas de maior peso. Assim, os investidores preferiram realizar parte dos ganhos obtidos com a valorização de quase 7% da Nasdaq na última sexta-feira. No dia de hoje foram os papéis das empresas de setores mais tradicionais que apresentaram maior valorização, como o farmacêutico, o de bens de consumo e o de energia, beneficiado pela intensificação do inverno nos EUA e pelos rumores de que novos cortes na produção de petróleo dos países integrantes da OPEP estão por vir.

O Dow Jones Industrial, índice que concentra os papéis das blue chips norte-americanas, fechou em alta de 0,53%, a 10.692,44 pontos. Entre as empresas que mais se valorizaram hoje estão Philip Morris (+2,44%), Merck (+2,42%), United Tecnologies (+2,22%), SBC Communications (+2,04%) e Exxon Mobil (+2,02%). Já entre os destaques de baixa estão IBM (-4,71%), após forte valorização no pregão de sexta-feira, Kodak (-2,41%) e AT&T (-1,05%). O dia também não foi bom para as gigantes do setor varejista Wal-Mart (-3,57%) e Home Depot (-2,25%). Ambas foram puxadas para baixo após a redução das previsões de faturamento da varejista de artigos para o lar pela corretora Bear Stearns.

O Nasdaq Composite, índice que reúne as ações de empresas de tecnologia, fechou em queda de 0,93%, a 2.493,52 pontos. Os destaques de baixa foram Sun Microsystems (-5,10%), Dell (-4,76%), Ericsson (-3,19%), Oracle (-2,94%), e Cisco (-2,11%). Já entre as maiores altas estão a gigante do e-commerce Amazon (+8,84%) e a Yahoo! (+5,07%), ambas aproveitando-se da divulgação de que as compras on-line pelo maior portal de busca do mundo dobraram no Natal deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado. Outros destaques de alta foram JDS Uniphase (+2,60%), apesar de ter tido seus papéis rebaixados pelo Deutsche Bank, Microsoft (+0,94%) e Worldcom (+0,90%).

O S&P 500, índice que reflete o desempenho dos papéis das 500 maiores empresas norte-americanas, encerrou o dia em alta de 0,71%, a 1.315,11 pontos. Entre as ações que mais subiram encontravam-se as da Ford (+4,66%), da Colgate Palmoliv (+4,27%), da Verizon Communications (+3,64%), do Morgan Stanley (+3,20%), e da Pharmacia Corporation (+2,18%), que obteve hoje a aprovação da FDA (Foods and Drugs Administration) para colocar um novo remédio no mercado. Já os papéis da varejista K-Mart fecharam em queda de 4,76%, seguidos pela Nortel Networks (-3,86%), Viacom (-2,46%), Delta Airlines (-1,82%) e AT&T (-1,40%).

Compartilhe