Tensões

Delegação da Grécia enviou forte mensagem, apresentando proposta, diz ministro

As declarações foram dadas após a reunião dos ministros da zona do euro (Eurogrupo), que terminou sem romper o impasse entre Atenas e seus credores

Aprenda a investir na bolsa

O ministro das Finanças da Grécia, Yannis Varoufakis, afirmou que seu país enviou uma “forte mensagem” hoje, apresentando uma “proposta completa” no encontro dos ministros das Finanças da zona do euro. Na avaliação dele, uma vez aceita essa proposta de Atenas, isso pode encerrar a crise grega.

As declarações foram dadas após a reunião dos ministros da zona do euro (Eurogrupo), que terminou sem romper o impasse entre Atenas e seus credores. Nas últimas semanas, o governo grego já apresentou propostas aos credores, consideradas por estes insuficientes. Os credores disseram anteriormente que a diferença em relação aos cortes de gastos e a outras concessões gregas ainda era substancial.

Varoufakis admitiu que o tempo está cada vez mais curto para o país conseguir um acordo, mas disse acreditar que uma saída aceitável para todos pode ainda ser alcançada. A Grécia está em negociações sobre quais reformas precisa realizar para conseguir mais empréstimos. O país precisa de auxílio financeiro externo, para conseguir saldar dívidas já em 30 de junho.

Aprenda a investir na bolsa

O ministro das Finanças grego disse que o governo de Atenas admite que o país necessita de reformas em seus fundamentos. Segundo ele, porém, aquelas reformas realizadas nos últimos anos levaram a grandes dificuldades, incluindo alto endividamento, desemprego, pobreza e emigração. “Não há dúvida de que a Grécia precisa de ajustes”, disse ele. “A questão para nós é: que tipo de ajustes?”. Fontes: Associated Press e Dow Jones Newswires.