Criptoativos

Criptos hoje: Bitcoin sobe 3% e dá início à recuperação generalizada; CEL, AAVE e ATOM avançam dois dígitos

Volume de negociações permanece baixo, mas recuperação volta a alimentar expectativa por final de ano com preço na faixa dos US$ 50 mil

Por  Paulo Alves -

Após três dias de quedas, o alívio vindo do vencimento de US$ 6 bilhões em opções no mercado não regulado de derivativos traz volatilidade positiva para o Bitcoin (BTC), que sobe 3% nesta manhã e volta a ser negociado acima de US$ 48 mil. Ontem, a criptomoeda chegou a cair brevemente para a casa dos US$ 46 mil.

Em sinal de otimismo do mercado, as demais criptomoedas reagem ainda melhor ao respiro no BTC e sobem com mais força nesta manhã, com praticamente todos os ativos entre os 100 maiores por valor de mercado em território positivo – às 7h26, apenas três registram perdas: OHM, MIOTA e HT.

Quer aprender a investir em criptoativos de graça, de forma prática e inteligente? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir

O ensaio de recuperação volta a aumentar a expectativa por um possível rompimento da barreira dos US$ 50 mil para o Bitcoin antes do final do ano. Embora não seja considerado uma resistência (zona com muitas ordens de venda), o nível é considerado importante para manter o otimismo dos investidores na entrada do novo ano.

Por outro lado, o volume de negociações neste final de ano ainda é considerado baixo, indicando um apetite reduzido de investidores após um mês decepcionante para o Bitcoin.

Os institucionais, como familly offices e hedge funds, são apontados como prováveis catalisadores da baixa em dezembro, a maior até aqui desde maio de 2021. Eles estariam realizando lucros e até fechando posições no prejuízo para mover capital para produtos menos arriscados, em movimento de cautela frente à redução dos estímulos de bancos centrais dos EUA e da Europa a partir de 2022.

Em efeito cascata, o comportamento do investidor de varejo também está em baixa. Segundo dados do Google, as buscas por “bitcoin” permanecem no menor nível do ano, indicando pouco interesse do usuário comum nesta classe de ativos.

Ainda assim, o comportamento das altcoins aponta para um momento do mercado em que o preço do Bitcoin importa menos para os demais criptoativos. Mesmo nos dias de baixa do último mês do ano, a dominância do BTC, que representa seu market share do valor de mercado total das criptomoedas, não passou de 38% – em momentos de baixa passados, o número chegou a saltar para mais de 50%.

Entre as criptos que se destacam nesta sexta-feira estão a Celsius Network (CEL), que sobe US$ 4,65 logo após ganhar um prêmio da Blockchain Fest 2021 como melhor plataforma de empréstimos de criptoativos, e o protocolo de finanças descentralizadas Aave (AAVE), que avança US$ 273 após anunciar a possibilidade de usar ativos “reais” como garantia para empréstimos.

O Cosmos (ATOM), que busca criar um ambiente de compatibilidade entre blockchains, também opera em território positivo hoje, com alta de 11,5%. Junto dele está o Spell Token (SPELL), que navega no crescimento dos investimentos em DeFi e também ganha dois dígitos nas últimas 24 horas.

Confira o desempenho das principais criptomoedas às 7h:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Bitcoin (BTC)US$ 48.492,72+3,5%
Ethereum (ETH)US$ 3.810,00+3,2%
Binance Coin (BNB)US$ 526,51+1,4%
Solana (SOL)US$ 176,96+2,7%
Cardano (ADA)US$ 1,37+2,7%

As criptomoedas com as maiores altas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Celsius Network (CEL)US$ 4,65+16,5%
Aave (AAVE)US$ 273,80+14,1%
Cosmos (ATOM)US$ 31,84+11,5%
Spell Token (SPELL)US$ 0,02349140+11,5%
Arweave (AR)US$ 62,03+11,5%

As criptomoedas com as maiores baixas nas últimas 24 horas:

CriptomoedaPreçoVariação nas últimas 24 horas
Olympus (OHM)US$ 309,52-4,5%
IOTA (MIOTA)US$ 1,45-3,4%
Huobi Token (HT)US$ 9,32-2,7%

Confira como fecharam os ETFs de criptomoedas no último pregão:

ETFPreçoVariação
Hashdex NCI (HASH11)R$ 49,45-3,03%
Hashdex BTCN (BITH11)R$ 63,11-2%
Hashdex Ethereum (ETHE11)R$ 62,00-1,6%
QR Bitcoin (QBTC11)R$ 16,75-1,93%
QR Ether (QETH11)R$ 15,26-2,17%

Veja as principais notícias do mercado cripto desta sexta-feira (31):

Organizações descentralizadas acumulam tesouros de US$ 16 bilhões em cripto

O ano que termina hoje foi marcante para as chamadas Organizações Autônomas Descentralizadas (DAO), espécie de coletivos de desenvolvedores e usuários que têm poder de votação sobre um protocolo que roda em blockchain e, em geral, tem seu próprio tesouro em criptoativos.

Segundo um levantamento da plataforma DeepDAO, esse tipo de organização começou o ano com tesouro total avaliado em US$ 400 milhões, e chega ao mês de dezembro com US$ 16 bilhões, um crescimento de 3.900% no ano.

Já os participantes dessas organizações aumentaram ainda mais, na casa dos 13.000%, com 1,6 milhões de carteiras digitais guardando tokens de governança de diversos projetos. O maior deles é a Uniswap (UNI), uma corretora descentralizada que roda na rede Ethereum (ETH) e acumula tesouro de US$ 2,9 bilhões.

Na sequência vem a BitDAO, voltada para projetos de web 3.0 em geral, com US$ 2,4 bilhões; e a Lido Finance, uma plataforma de staking (depósito com rendimento) que tem US$ 602 milhões em criptos no tesouro.

OpenSea congela contas ligadas a roubo de US$ 2,2 milhões em NFTs

A plataforma de compra e venda de NFTs OpenSea congelou as contas ligadas a um roubo de US$ 2,2 milhões em artes digitais da coleção Bored Ape Yatch Club (BAYC), uma das mais valiosas do mundo. Após identificar “atividade suspeita”, o marketplace interrompeu qualquer negociação dos NFTs em questão.

O episódio levantou questões sobre privacidade na OpenSea, que ainda não revelou como os itens digitais teriam sido desviados da conta do proprietário.

Além de desvios das contas de usuários, a OpenSea tem se ocupado recentemente com o bloqueio de NFTs que copiam coleções famosas. Um exemplo, é a Phunky Ape Yatch Club, cujos itens são idênticos ao da BAYC, porém com imagens espelhadas. NFTs do tipo estão sendo banidos da plataforma.

Quer aprender a investir em criptoativos de graça, de forma prática e inteligente? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir

Compartilhe