Move-to-earn

Criptomoeda de jogo que paga para você fazer exercício físico dispara 2.000%; entenda

Green Metaverse Token (GMT) é a cripto nativa do game STEPN, baseado na blockchain Solana

Por  Lucas Gabriel Marins

Enquanto o Bitcoin (BTC) e a principais altcoins enfrentavam um mês de março sofrido, repleto de oscilações e quedas de preço, um criptoativo novato disparou 2.000% no mesmo período. O dono dessa valorização gigante é o Green Metaverse Token (GMT), token de governança do game STEPN, construído na blockchain Solana (SOL).

No dia 9 do mês passado, quando foi liberado para negociação na Binance, o ativo digital valia US$ 0,13. Na manhã desta sexta-feira (1º), no momento da redação deste texto, o GMT estava sendo negociado a US$ 2,87, segundo o agregador de dados CoinGecko.

A capitalização do criptoativo (preço atual versus oferta circulante) bateu em US$ 1,7 bilhão. Nas últimas 24 horas, o volume de negociações foi de US$ 4,7 bilhões. Para efeito de comparação, o volume da Litecoin (LTC), uma das moedas digitais mais antigas do mercado, está na casa do US$ 1 bilhão.

Apesar da disparada, especialista ouvido pelo InfoMoney recomendou cautela para os interessados no GMT, pois não é uma boa ideia apostar em ativos em momentos de alta valorização.

O que explica a alta

Luiz Felippe Quites, CEO da Khal Special Forces, uma das maiores organizações especializadas em jogos play-to-earn (jogue para ganhar) do Brasil, disse que o projeto tem chamado atenção por mesclar o metaverso (ambiente virtual imersivo construído por meio de por meio de diversas tecnologias) com o hábito da corrida e do exercício físico.

O STEPN é baseado em um conceito novo no mercado cripto chamado move-to-earn (mova-se para ganhar). É semelhante ao estilo play-to-earn, consagrado pelo Axie Infinity (AXS), mas com uma grande diferença: os jogadores praticam esporte de verdade, e ganham moedas digitais para isso.

“O game junta jogabilidade, fitness e rentabilidade e, assim, atrai o interesse de diversos grupos. Hoje vemos diversas corridas de rua sendo organizadas e muitos grupos de corrida participando das mesmas, e o STEPN traz a possibilidade de gerar renda na corrida para os corredores casuais. O formato da plataforma também atrai novos praticantes do esporte”, falou Quites.

Outros dois pontos também ajudam o token disparar, segundo ele. O primeiro foi o marketing intenso realizado pela equipe do projeto, que está atraindo o grande público. O segundo foi o lançamento da moeda no Launchpad da Binance, plataforma de lançamento de tokens da corretora, no dia 9 de março. Usuários puderam adquirir o GMT pode por 0,00002514 Binance Coin (BNB) ou US$ 0,01.

Recompensa e tênis a R$ 15 mil

No STEPN, a recompensa para os usuários atletas é paga em Green Satoshi Token (GST), outro ativo digital do jogo. O GST pode ser usado para atividades dentro do ecossistema, como cunhar novos itens e aumentar o nível deles, ou pode ser sacado. Nesta sexta, segundo o CoinMarketCap, uma unidade vale US$ 4,67.

Participar do game, no entanto, não é nada barato. É preciso comprar um tênis em formato de token não fungível (NFT) na Magic Eden, marketplace de NFTs da Solana. Os preços variam de 10,98 SOL (R$ 6,7 mil) a 24.90 SOL (R$ 15,3 mil).

Há quatro modelos (walker, jogger, runner e trainer). Conforme o whitepaper (guia) do projeto, cada um tem características diferentes, como eficiência, conforto e resiliência. Quanto melhor, mais criptos é possível ganhar.

Quites disse que o ecossistema do game a longo prazo parece ser sustentável, apesar de o suprimento total de tokens GMT ser de 6 bilhões, o que é alto, e o de GMS ser infinito.

“A equipe do game criou várias formas de queima (de ativos) para manter a economia saudável, como (uso dos tokens) para criação de tênis, reparação, aumento de nível, atualização de gemas (itens do jogo) e melhorias nos calçados virtuais”, falou.

De acordo com ele, no entanto, apesar de o projeto ser inovador, é preciso ter cautela na hora de entrar. “Raramente é uma boa opção você investir em algo em sua alta histórica e isso deve ser bem pensado caso você tenha interesse de entrar no projeto”, disse.

“A valorização de 2.000% ocorreu sobre o token de governança que pode não se sustentar em 2.000%, pois naturalmente as moedas no mercado tendem a uma correção”, completou.

A STEPN foi criada pelo cientista da computação Jerry Huang e pelo empreendedor Yawn Rong em agosto de 2021. A equipe foi vencedora do Solana Ignition Hackathon Gaming Track, evento global focado em projetos para a web 3. Em dezembro daquele ano, a versão beta do game foi lançada na rede Solana.

O jogo, em seu site, diz que quer inspirar milhões a ter uma vida mais saudável, conectando o mundo à Web 3. O projeto também brinca no campo do ESG (boas práticas ambientais, sociais e de governança), e garante que vai usar parte do lucro para comprar crédito de carbono via blockchain para combater as mudanças climáticas.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receber a newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe