Por dentro dos resultados

Como a Mills deixou para trás seis anos de prejuízos trimestrais e teve lucro após o auge da pandemia de coronavírus

CEO da empresa participou de live do InfoMoney e falou sobre a retomada da atividade econômica ter beneficiado a companhia no 3º tri e sobre perspectivas

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO — Depois de seis anos de prejuízos trimestrais consecutivos, a Mills (MILS3) reportou no terceiro trimestre de 2020 lucro de R$ 1,2 milhão. Segundo o CEO da companhia, Sergio Kariya, foi um processo natural para a empresa que está em uma fase de turnaround, puxado por maiores investimentos, busca por eficiência e diversificação do segmento rental, entre outros fatores.

“A reversão mostra que estamos no caminho certo das nossas ações de melhoria de produtividade, de melhoria de nossa performance, contração das filiais de construção, diversificações de top line, como eu disse, nas receitas de rental”, disse. “Fomos afetados pelo coronavírus. Nosso segundo trimestre foi afetado em cerca de 26% quando a gente compara com o primeiro trimestre de 2020. O pior mês foi o mês de maio. Desde então a gente vem melhorando mês a mês. (…) Na rental, o volume locado no mês de setembro já estava muito próximo ao nível pré-pandemia.”

Aprenda a investir na bolsa

Ele participou nesta quarta-feira (18) de uma live no InfoMoney da série Por Dentro dos Resultados, onde executivos de importantes empresas da Bolsa apresentam os principais destaques financeiros do terceiro trimestre, comentam os números e falam sobre perspectivas.

Por Dentro dos Resultados
CEOs e CFOs de empresas abertas comentam os resultados do ano. Cadastre-se gratuitamente para participar:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.

James Guerreiro, CFO da companhia e que também participou da live, destacou que a companhia conseguiu alongar a dívida que era curta. Ele falou ainda sobre a perspectiva de pagamento de dividendos. “O que a gente precisa é ter essa geração de resultados de forma sustentável, contínua. Gerar uma base para começar a distribuir dividendos. (…) É preciso ainda passar por essa fase de reversão do quadro de prejuízo. Esse trimestre a gente conseguiu depois de seis anos. É um excelente sinal. Mas precisamos ver como serão os próximos trimestres e gerar de forma consistente um lucro líquido no ano para que a gente consiga fazer a distribuição.”

Guerreiro e Kariya falaram ainda sobre concorrência e o fato de ser ainda um setor bastante fragmentado, investimentos previstos e a operação de busca e apreensão que ocorreu na empresa em setembro por investigações de irregularidades na construção da Cidade Administrativa, em Minas Gerais. Assista à live acima.

O lado desconhecido das opções: treinamento gratuito do InfoMoney ensina a transformar ativo em fonte recorrente de ganhos – assista!