Exceto ouro

Commodities têm pior choque da demanda desde 2008, diz Goldman Sachs

O ouro, por outro lado, tem “imunidade ao vírus” e superou o desempenho de outros ativos vistos como porto seguro

(Shutterstock)
Aprenda a investir na bolsa

(Bloomberg) — O mundo enfrenta o maior choque de demanda de commodities desde a crise financeira global diante do surto de coronavírus que, depois de abalar a Ásia, se espalha para os Estados Unidos e Europa, segundo o Goldman Sachs.

A paralisação da atividade econômica na China reduziu a demanda por petróleo em estimados 4 milhões de barris por dia, em comparação com 5 milhões de barris na Grande Recessão de 2008 e 2009, disse Jeff Currie, chefe de pesquisa global de commodities do banco, em relatório de 28 de fevereiro. Com novos casos sendo relatados na Europa, Oriente Médio e EUA, é provável que o impacto econômico se espalhe para o Atlântico no próximo mês.

Para piorar a situação, a “capacidade finita de armazenamento na China – embora grande – se esgota rapidamente, apresentando mais riscos de baixa” se o espaço para estoque acabar, disse Currie.

Aprenda a investir na bolsa

Para o petróleo e outros produtos de energia, qualquer corte da demanda será considerada como perdida, enquanto o menor consumo de outras commodities, como aço e alumínio, poderia ser recuperado mais tarde, disse Currie. Expectativas de estímulo fiscal e monetário para salvar essa demanda reprimida deve criar volatilidade dos preços das commodities daqui para frente.

O ouro, por outro lado, tem “imunidade ao vírus” e superou o desempenho de outros ativos vistos como porto seguro, como o iene japonês ou o franco suíço, disse o Goldman.

Cerca de 45% das travessias programadas de navios de contêineres da Ásia para a Europa foram canceladas nas quatro semanas após o feriado do Ano Novo Lunar no fim de janeiro, disse Currie. Isso significa que o aumento da atividade chinesa em março pode ser lento, devido às realidades físicas de retomar as operações das cadeias de suprimentos globais.

Invista melhor seu dinheiro. Abra uma conta na XP Investimentos clicando aqui