Balanço

Comgás (CGAS5) mais do que dobra lucro no 3º trimestre de 2021, com flexibilização das restrições e maior consumo

Ebitda cresceu 39%, para R$ 893,334 milhões, também reflexo do aumento do volume de vendas

Por  Fernando Lopes

SÃO PAULO — A Comgás (CGAS3 ; CGSA5) apresentou alta de 127,9% no lucro líquido do terceiro trimestre de 2021 sobre o mesmo período do ano passado, ficando em R$ 655,904 milhões.

As flexibilizações diante do arrefecimento da pandemia de Covid-19 no Brasil ajudaram a acelerar a recuperação na maioria dos segmentos da empresa.

“O volume industrial apresentou alta de 10% em relação ao 3TRI20”, disse a companhia, “atribuída ao maior consumo da maioria dos setores, com destaque para as Cerâmicas, Siderurgia, Químico e Petroquímico”.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) cresceu 39%, para R$ 893,334 milhões, também reflexo do aumento do volume de vendas, além do reajuste das margens em maio.

A receita líquida chegou a R$ 3,2 bilhões, 43% maior do que o mesmo trimestre de 2020. No período, o custo do gás e transporte tiveram alta de 50%.

O total de clientes aumentou 6,4%, para 2,198 milhões, enquanto o volume entregue avançou 13,9%, para 1,283 bilhão de metros cúbicos.

A dívida da companhia, entretanto, também cresceu. A alta de 4,6% fez o montante chegar a R$ 3,435 bilhões, com alavancagem 1,13x (dívida líquida sobre Ebitda), 19,9% menor do que a alavancagem mostrada no terceiro trimestre de 2020.

Curso inédito “Os 7 Segredos da Prosperidade” reúne ensinamentos de qualidade de vida e saúde financeira. Faça sua pré-inscrição gratuita.

Compartilhe