Clarice  Coppetti é cotada para assumir presidência da Petrobras interinamente

O conselho da companhia vai se reunir ainda nesta manhã para apreciar o encerramento antecipado do mandato de Prates e poderá nomear Coppetti interinamente

Reuters

Clarice Coppetti ( Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil)

Publicidade

RIO DE JANEIRO (Reuters) – A diretora de  Assuntos  Corporativos da Petrobras (PETR3;PETR4), Clarice  Coppetti, é a mais cotada para assumir ainda nesta quarta-feira a presidência da Petrobras de forma interina, com a saída antecipada de Jean Paul Prates anunciada na véspera, disseram três fontes com conhecimento do assunto.
O conselho da companhia vai se reunir ainda nesta manhã para apreciar o encerramento antecipado do mandato de Prates e poderá nomear Coppetti interinamente.
A executiva poderá assumir a posição até que sejam realizados todos os trâmites necessários para a posse de Magda Chambriard, indicada pelo governo federal para a posição de CEO, disseram fontes na condição de anonimato.

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas.
Na véspera, Prates pediu para deixar a companhia, de acordo um comunicado da estatal, derrubando os papéis da petroleira na bolsa, em meio a riscos para a governança citados por analistas.
Às 10h45, as preferenciais caíam 7,6%, a 37,78 reais, enquanto as ordinárias perdiam 9%, a cerca de 39 reais, capitaneando as perdas do Ibovespa, que cedia 0,9%.