Pessimismo

Buffett sobre o Bitcoin: “eu tenho quase certeza de que isso terá um final ruim”

"Por que no mundo eu deveria tomar uma posição long ou short em algo sobre o qual eu não conheço?", disse o megainvestidor

SÃO PAULO – Que Warren Buffett não é fã das criptomoedas, isso o mercado já sabe, mas o megainvestidor não costuma comentar muito sobre o assunto e nesta quarta-feira (10), em entrevista para a CNBC, ele voltou a tratar sobre Bitcoin e reforçou sua visão bastante negativa para este mercado.

“Em termos de criptomoedas, em geral, posso dizer com quase certeza que elas terão um final ruim”, disse o presidente e CEO da Berkshire Hathaway. “Quando isso irá acontecer, ou como, ou qualquer outra coisa, eu não sei”, acrescentou. “Se eu pudesse comprar uma ‘put’ de cinco anos em cada uma das criptomoedas, ficaria feliz em fazê-lo”.

Buffett, porém, disse que não tomaria uma posição “short” em futuros de bitcoin. “Nós não possuímos nenhum, não somos short, nunca teremos posição nisto”, disse ele.

“Eu entro em problemas suficientes com coisas que eu acho que tenho conhecimento”, continuou Buffett. “Por que no mundo eu deveria tomar uma posição long ou short em algo sobre o qual eu não conheço?”, completou o megainvestidor.

Nesta quarta, o Bitcoin segue seu movimento de maior pressão, caindo cerca de 6% no início da tarde e perdendo o patamar de US$ 14 mil, ficando na casa de US$ 13.800. Enquanto isso, o Ethereum continua seu rali e renova sua máxima histórica, em US$ 1.300, alta de 10% nas últimas 24 horas.