milho

Brasil se consolida como grande player de milho no mercado mundial

A desvalorização do real tornou o produto brasileiro mais competitivo e os preços internos devem continuar sustentados em 2016

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Os preços do milho no mercado interno estão em alta no início de 2016. De acordo com o Cepea, este cenário se deve ao forte ritmo das exportações no último trimestre de 2015, o qual apresentou acúmulo recorde. A desvalorização do real tornou o produto brasileiro mais competitivo, favorecendo a realização também de contratos referentes ao grão a ser colhido em 2016. 

Os preços internos devem manter sustentados neste novo ano. Na bolsa BM&FBovespa, os contratos que vencem até setembro de 2016 estão operando em níveis superiores aos observados no mesmo período de 2014, para vencimento em 2015. 

Com o crescimento no mercado internacional, vendedores puderam adiantar a comercialização da próxima safra. Os atuais níveis de preços podem levar produtores a manter a área cultivada na segunda safra, que pode gerar um volume parecido com o de 2015, dependendo das condições climáticas. 

Para o Cepea, as vendas externas devem continuar sendo o grande balizador de preços no mercado interno em 2016.