carne

Brasil questiona restrição da Indonésia para exportação de carne bovina

De acordo com o Itamaraty, a suspensão dessas imposições permitiria ao Brasil exportar mais de 20 mil toneladas de carne bovina para a nação asiática.

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O governo brasileiro entrou com dois pedidos de consulta junto a Organização Mundial do Comércio (OMC). Um contra a Indonésia e outro questionando a Tailândia, que estariam restrigindo as exportações de itens agropecuários que vão contra acordos firmados dentro do organismo internacional.

No caso da Indonésia, a queixa é contra às restrições do país asiático às exportações de carne bovina do Brasil. De acordo com o Itamaraty, a suspensão dessas imposições permitiria ao Brasil exportar mais de 20 mil toneladas de carne bovina para a nação asiática.

Em relação à Tailândia, o governo brasileiro questiona a concessão de subsídios pelo país ao setor de cana e de açúcar.

“As medidas tailandesas têm afetado artificialmente as condições de competitividade internacional do açúcar, em detrimento das exportações brasileiras, cuja participação no mercado global do produto caiu mais de 5% entre 2012 e 2014, com prejuízos anuais da ordem de 1 bilhão de dólares”, disse o Itamaraty em comunicado.

O Ministério lembrou que as medidas das autoridades tailandesas estão em desconformidade com as obrigações assumidas pelo país no âmbito do Acordo de Agricultura e do Acordo de Subsídios e Medidas Compensatórias da OMC.