Bradespar (BRAP4) lucra R$ 768,3 mi no primeiro trimestre, queda anual de 16,9%

Companhia divulgou seu balanço do primeiro trimestre nesta manhã de sexta-feira (12)

Felipe Moreira

Publicidade

A Bradespar (BRAP4), empresa que tem sua receita operacional originada do resultado de equivalência patrimonial e juros sobre o capital próprio da mineradora Vale (VALE3), reportou lucro líquido de R$ 768,3 milhões no primeiro trimestre de 2023 (1T23), montante 16,9% inferior ao reportado no mesmo intervalo de 2022, informou a companhia nesta manhã de sexta-feira (12).

A receita operacional, por sua vez, somou R$ 758,9 milhões no primeiro trimestre deste ano, uma diminuição de 17,4% na comparação com igual etapa de 2022.

Leia Mais:

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

O lucro operacional antes de IR/CS atingiu a cifra de R$ 770,9 milhões no primeiro trimestre de 2023, um recuo de 16,8% na comparação com igual etapa de 2022.

As despesas gerais e administrativas somaram R$ 1,742 milhão no 1T23, um crescimento de 8,3% em relação ao mesmo período de 2022.

O resultado financeiro da Bradespar, no trimestre que se encerrou, atingiu o valor positivo de R$ 18,1 milhões, decorrente, principalmente, de aplicações financeiras e de remuneração sobre Impostos a Recuperar.