Conteúdo editorial apoiado por

BP supera previsão com lucro trimestral de US$ 3 bi, aumenta recompras e ações sobem forte

Na semana passada, as rivais Exxon Mobil, Chevron e Shell também superaram as expectativas de lucro

Reuters

Publicidade

LONDRES (Reuters) – A BP divulgou nesta terça-feira lucro de 3 bilhões de dólares no quarto trimestre, superando as previsões, ao mesmo tempo em que aumentou as recompras de ações e prometeu fazer investimentos pragmáticos, à medida que seu recém-nomeado CEO busca dissipar preocupações dos investidores sobre sua estratégia para transição energética.

As ações da empresa subiam perto de 5% nesta terça-feira, após a aceleração inesperada do programa de recompra.

Os resultados trimestrais, impulsionados pela forte comercialização de gás, elevaram o lucro da gigante da energia em 2023 para 13,8 bilhões de dólares, embora esse valor tenha representado metade do registrado no ano anterior, já que os preços do petróleo e do gás esfriaram e as margens de lucro do refino enfraqueceram.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Os ganhos foram um alívio para o CEO Murray Auchincloss, depois que os resultados da empresa ficaram substancialmente abaixo de suas previsões nos dois trimestres anteriores.

Auchincloss tornou-se CEO permanente em janeiro, depois de ter sido nomeado CEO interino em 12 de setembro, quando Bernard Looney renunciou abruptamente ao cargo por não ter revelado totalmente detalhes de relacionamentos pessoais anteriores com colegas.

Auchincloss disse à Reuters que a BP continua comprometida com sua estratégia de reduzir a produção de petróleo em 25% em relação aos níveis de 2019 até 2030, para 2 milhões de barris por dia, ao mesmo tempo em que aumenta seus negócios de energias renováveis e de baixo carbono até o final da década.

“Ao nos aproximarmos de 2025, vamos nos concentrar na simplificação dos negócios”, disse ele.

“Vamos nos adaptar pragmaticamente ao que está acontecendo com a demanda na sociedade”, disse ele, acrescentando que a BP poderia aumentar sua produção de petróleo além da meta de 3% para 2022 a 2027, dependendo dos retornos.

“Buscaremos projetos de maior retorno e maior valor”, disse. A BP tem de 12 a 16 projetos de petróleo e gás que poderiam receber sinal verde nos próximos dois anos, acrescentou.

A empresa disse que estava comprometida com a recompra de 3,5 bilhões de dólares em ações no primeiro semestre de 2024 e espera comprar 14 bilhões de dólares em 2024-2025.

Na semana passada, as rivais Exxon Mobil, Chevron e Shell também superaram as expectativas de lucro, em uma combinação de resultados comerciais sólidos e maior produção de petróleo e gás.