Diário Oficial

Bolsonaro escolhe André Mendonça como ministro da Justiça e nomeia Ramagem para comandar a PF

Ontem, Celso de Mello, ministro do STF, autorizou a abertura de um inquérito para investigar Bolsonaro

(Crédito: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – André Mendonça foi escolhido como novo ministro da Justiça e Segurança Pública e Alexandre Ramagem foi nomeado diretor-geral da Polícia Federal. As informações foram publicadas no Diário Oficial desta terça-feira.

Mendonça, que era até então advogado-geral da União, substitui Sergio Moro, que pediu demissão da sexta-feira depois que Maurício Valeixo foi exonerado do comando da PF.

No pronunciamento em que anunciou sua saída, Moro acusou o presidente Jair Bolsonaro de tentar interferir em investigações da PF.

Aprenda a investir na bolsa

Ontem, Celso de Mello, ministro do Supremo Tribunal Federal, autorizou a abertura de um inquérito para investigar Bolsonaro.

No lugar de Mendonça na Advocacia-Geral da União, entra José , que José Levi Mello do Amaral Júnior, que até então atuava como procurador-geral da Fazenda Nacional.

Receba o Barômetro do Poder e tenha acesso exclusivo às expectativas dos principais analistas de risco político do país
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.