Bolsas norte-americanas operam em baixa; techs lideram perdas

Encomendas de bens duráveis e estoques de petróleo vieram abaixo das expectativas; bancos também caem no pregão

Por  Equipe InfoMoney -

SÃO PAULO – As principais bolsas norte-americanas operam em queda nesta quarta-feira (28), com destaque para o recuo das techs e dos principais bancos. Os investidores avaliam indicadores negativos e o fato de o Goldman Sachs revisar a projeção do PIB dos EUA no terceiro trimestre que será divulgado na quinta-feira, de 3% para 2,7%.

Resultados e recomendações

O lucro líquido da Visa no terceiro trimestre foi de US$ 514 milhões, com ganhos de US$ 0,74 por ação e a uma melhora frente ao prejuízo de US$ 356 milhões no mesmo período do ano passado. Como resposta, os papéis da companhia de cartões de crédito sobem 4,80%.

As ações da Texas Instruments, que relatou resultados na última semana, sobem 0,40% após analistas da Goldman Sachs elevarem a recomendação das ações da empresa de neutro para compra.

Setor financeiro

Os bancos veem suas ações caírem, à espera da audiência em que Kenneth Feinberg , o “Czar do pagamento” irá depois para o Comitê da Câmara de Supervisão sobre as decisões de indenização que ele fez a respeito das sete empresas sob sua jurisdição. Entre elas estão o Bank of America (-2,01%), Citigroup (-4,33%), que assistem suas ações caírem no pregão.

Outros bancos também operam com os papéis em queda. As ações do Goldman Sachs recuam 2,62%, e as do JP Morgan caem 2,05%. As ações do Morgan Stanley (-3,85%) e do Wells Fargo(-2,18%) também registram queda.

Indicadores

O Durable Good Orders, que traz os pedidos e entregas de bens duráveis, registrou altade 1% em setembro, em linha com as expectativas. Já o New Home Sales do mesmo mês veio abaixo do esperado, relatando vendas de 402 mil casas novas no país, ante projeção de 440 mil.

Petróleo em queda

O relatório de Estoques de Petróleo semanal surpreendeu os analistas, com estoques de 778 mil barris, ante projeção de 1,7 milhão. O preço do barril de petróleo opera em baixa e as principais empresas do setor veem suas ações oscilarem pouco – as da Exxon Mobil caem 0,19% enquanto as da Chevron operam em alta de 0,10%.

Os papéis da Conoco Phillips operam em baixa de 2,02%, mesmo após os resultados da empresa superarem as expectativas do mercado.Os ADRs da PetroChina operam em forte queda de 5,07% após a empresa divulgar resultados abaixo do esperado.

Confira as cotações


O índice Nasdaq Composite, que concentra as ações de tecnologia, opera em desvalorização de 1,64% e atinge 2.081 pontos.
O S&P 500, que engloba as 500 principais empresas dos EUA, negocia em baixa de 0,97% a 1.053 pontos,
enquanto o Dow Jones, que mede o desempenho das 30 principais blue chips norte-americanas, cai 0,35%, chegando a 9.847 pontos.

%Var DiaPontos%Var 30D%Var Ano
Dow Jones-0,359.847+0,59+12,20
S&P 500-0,971.053-0,93+16,59
Nasdaq-1,642.081-2,32+31,98

Compartilhe