Zona do Euro

Bolsas europeias sobem com dados de emprego dos Estados Unidos

Apesa disso, os movimentos de curto prazo provavelmente ficarão limitados até o resultado das eleições presidenciais norte-americanas

arrow_forwardMais sobre

LONDRES – As ações europeias subiram nesta sexta-feira (2) após os dados robustos de emprego nos Estados Unidos, embora os movimentos de curto prazo dos índices provavelmente ficarão limitados até o resultado das eleições presidenciais norte-americanas, disseram operadores.

O índice de ações europeias FTSEurofirst 300 fechou em alta de 0,47% a 1.115 pontos. 

A economia dos EUA registrou a criação de 171 mil empregos no mês passado, acima das expectativas.

“São números bons… Mas para a economia dos EUA retomar ao nível de emprego visto em 2008, é preciso criar mais de 200 mil empregos por mês”, disse Michael Hewson, analista sênior de mercados na CMC Markets.

Em Londres, o índice Financial Times teve variação positiva de 0,11 por cento, para 5.868 pontos. Em Frankfurt, o índice DAX avançou 0,38%, para 7.363 pontos. Em Paris, o índice CAC-40 ganhou 0,49 por cento, a 3.492 pontos.

Em Milhão, o índice Ftse/Mib teve queda de 0,24%, para 15.769 pontos. Em Madri, o índice Ibex-35 teve ganhos de 1,05%, a 7.968 pontos. Em Lisboa, o índice PSI20 registrou alta de 0,12%, para 5.383 pontos.