Bolsas mundiais

Bolsas europeias e asiáticas sobem repercutindo reunião do Fed, enquanto futuros americanos têm movimento indefinido

Autoridade monetária concluiu sua reunião de dois dias na véspera, depois da qual destacou que não espera altas nas taxas de juros referenciais até 2023

ações índices gráfico bolsa mercados stocks alta
(Shutterstock)

Seguindo a decisão do Federal Reserve na véspera, a sessão é de alta para os principais mercados mundiais, com as bolsas asiáticas, os índices europeus registrando ganhos nesta quinta-feira (18), enquanto os índices futuros americanos têm movimento misto, com queda do S&P500 e Nasdaq futuros e leve alta do Dow Jones futuro.

Na quarta-feira (17), o Federal Reserve concluiu sua reunião de dois dias, depois da qual destacou que não espera altas nas taxas de juros referenciais até 2023, de acordo com a expectativa do mercado. Atualmente, a meta para a taxa de juros está em entre 0% e 0,25%

O presidente do Fed, Jerome Powell, ressaltou que o banco central quer ver a inflação consistentemente acima da meta de 2%, e sinais de melhora no mercado de trabalho dos Estados Unidos, antes de considerar mudanças nas taxas ou em sua política de compra mensal de títulos, atualmente em US$ 120 bilhões por mês.

O Fed disse que espera que o PIB cresça 6,5% em 2021, antes de desacelerar nos próximos anos. E que a inflação suba 2,2% este ano, medida pelos gastos com consumo pessoal. O Fed também disse esperar que o desemprego nos Estados Unidos caia dos 6,2% atuais para 4,5%. Em dezembro, a instituição havia previsto queda a 5%.

As bolsas asiáticas fecharam em sua maioria em alta na quinta, após os anúncios do Fed. O índice Nikkei 225, do Japão, subiu 1,01%; o Kospi, da Coreia do Sul, subiu 0,61%; o índice Hang Seng, de Hong Kong, subiu 1,21%; o composto Shanghai, da China, subiu 0,51%.

Na Europa, o Banco da Inglaterra realizará um encontro nesta quinta, mas não há expectativa de grandes mudanças.

A maior parte das bolsas europeias opera com leves altas. O índice Eurostoxx, que reúne as ações de 600 empresas de todos os principais setores de 17 economias europeias, sobe 0,19%.

Além disso, os mercados europeus aguardam pela conclusão da Agência Europeia de Medicamentos sobre a segurança da vacina contra o coronavírus desenvolvida pela parceria entre AstraZeneca e Universidade de Oxford.

O comitê de segurança da instituição deve se reunir nesta quinta, após alguns países, entre eles Alemanha, Espanha, França, Itália e Suécia, suspenderem a aplicação do imunizante devido à preocupação de que ele poderia estar causando coágulos sanguíneos.

PUBLICIDADE

O temor acontece apesar de a União Europeia e a Organização Mundial de Saúde já terem deixado claro que os dados disponíveis indicam que a vacina é segura, e que os benefícios para a saúde são mais fortes do que os potenciais riscos.
Em uma declaração, a Agência Médica Europeia já ressaltou que “muitas milhares de pessoas desenvolvem coágulos sanguíneos todo ano na União Europeia, por diversos motivos”, e que o número de incidentes entre aqueles vacinados “não parece ser mais alto do que o observado na população em geral”.

As ações da Volkswagen subiram mais 6% pela manhã, dando continuidade à sequência de altas da última semana, após o banco JPMorgan elevar seu preço-alvo para as ações. Os papéis da Porsche e da fabricante de peças Varta também tiveram altas de mais de 5%.

Veja o desempenho dos principais indicadores às 6h30 (horário de Brasília):
*S&P 500 Futuro (EUA), -0,49%
*Nasdaq Futuro (EUA), -1,31%
*Dow Jones Futuro (EUA), +0,04%
Europa
*Dax (Alemanha), +0,74%
*FTSE 100 (Reino Unido), -0,13%
*CAC 40 (França), +0,14%
*FTSE MIB (Itália), +0,31%
Ásia
*Nikkei (Japão), +1,01% (fechado)
*Hang Seng Index (Hong Kong), +1,28% (fechado)
*Kospi (Coreia do Sul), +0,61% (fechado)
*Shanghai SE (China), +0,51% (fechado)
Commodities e bitcoin
*Petróleo WTI, -0,93%, a US$ 64 o barril
*Petróleo Brent, -0,88%, a US$ 67,4 o barril
*Bitcoin, +4,31%, a US$ 58.385,67
Sobre o minério: **Contratos futuros do minério de ferro negociados na bolsa de Dalian com alta de 2,45%, cotados a 1089 iuanes, equivalente hoje a US$ 167,5 (nas últimas 24 horas).
USD/CNY = 6,50

Entre no grupo do InfoMoney no Telegram para ter acesso a este conteúdo e faça parte de uma comunidade de mais de 138 mil pessoas que acompanham a plataforma.

O Telegram do InfoMoney oferece gratuitamente uma cobertura em tempo real do mercado financeiro. Traz também análises e as principais notícias que movimentam as Bolsas, aqui e no exterior.