Bolsas asiáticas fecham sem tendência única

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

As bolsas asiáticas fecharam sem uma tendência uniforme nesta terça-feira. Os destaques positivos ficaram com as bolsas de Hong Kong, Cingapura e da Coréia do Sul. Já as principais quedas foram registradas pelas bolsas de Tóquio e Sydney.

Em Tóquio, o índice Nikkei 225 encerrou suas negociações em baixa de 1,85%, atingindo 13.610,5 pontos. As principais quedas ficaram com as ações da fabricante de temperos Ajinomoto (-14,35%) e da Japan Tobacco (-11,11%). Esta última sofreu influência de uma notícia divulgada no jornal japonês Yomiuri Shimbun, declarando que o governo pretende diminuir sua participação na empresa. Também caíram as ações da empresa de telecomunicações NTT (-5,91%), da fabricante de componentes eletrônicos NEC Corp (-3,42%) e da fabricante de computadores Fujitsu (-2,44%). Os destaques de alta ficaram com os papéis das indústrias químicas Takeda (+4,10%) e Sumitomo (+2,49%) e com as fabricantes de equipamentos eletrônicos Sharp (+1,29%) e Sony (+1,05%).

Na Bolsa de Hong Kong, o índice Hang Seng avançou 0,41%, fechando com 15.500 pontos. Os destaques de alta ficaram com os conglomerados Legend Holdings (+3,96%) e CITIC Pacific (+3,14%) e com a companhia de tecnologia Pacific Century Cyberworks (+1,03%). As principais baixas foram os papéis da holding Johnson Electric (-7,11%) e das empresas imobiliárias Amoy Properties (-6,67%) e Sun Hung Kai Properties (-3,63%).

Já a Bolsa de Taiwan fechou em elevação de 3,62%, influenciada pelo setor de tecnologia. Os principais destaques ficaram com as ações das fabricantes de semicondutores Winbond Electronics (+5,79%), United Microelectronics (+4,95%) e Taiwan Semiconductors Manufacturing (+3,91%).





































Outros mercados: Austrália All Ordinaries -0,56%
Cingapura Straits Times +0,86%
Coréia do Sul Kospi +0,56%
Filipinas PSE Composite +2,51%
Indonésia Jakarta Composite -0,12%
Malásia KLSE Composite -0,07%
Tailândia SET +0,73%
Compartilhe