Bolsas asiáticas

Bolsa de Tóquio fica paralisada por falha em sistema; China tem feriado

Falha em sistema eletrônico provocou a pior indisponibilidade já sofrida pelo terceiro maior mercado acionário do mundo

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

TÓQUIO (Reuters) – Os mercados acionários de Sydney e Cingapura fecharam em alta nesta quinta-feira, em dia de negociações reduzidas por problemas técnicos na bolsa de Tóquio e feriados na China, na Coreia do Sul, Taiwan e Hong Kong.

As renovadas esperanças de medidas de estímulo nos Estados Unidos deram sustentação ao mercado, embora a incerteza sobre a eleição presidencial no país e problemas técnicos no mercado do Japão tenham limitado os ganhos.

O índice MSCI para ações da Ásia-Pacífico excluindo o Japão tinha alta de 0,5%, com as ações australianas subindo 0,98% e o mercado de Cingapura ganhando 1,38%.

Aprenda a investir na bolsa

A bolsa de Tóquio suspendeu as negociações no dia todo depois que uma falha em seu sistema eletrônico provocou a pior indisponibilidade já sofrida pelo terceiro maior mercado acionário do mundo. Não está claro quando as negociações serão retomadas.

A primeira suspensão de um dia inteiro desde que a bolsa começou a negociação totalmente eletrônica em 1999 deixou os investidores tentando em vão recomprar ações após o primeiro debate presidencial nos EUA.

“Eu me sinto terrivelmente responsável por toda a confusão que esse incidente provocou para os investidores e os participantes do mercado, disse o diretor da bolsa, Koichiro Miyahara, em entrevista.

O problema também levanta questões sobre a credibilidade da bolsa no momento em que o novo primeiro-ministro do Japão, Yoshihide Suga, torna a digitalização uma prioridade e pode prejudicar as expectativas do país de atrair mais bancos e gerentes de fundos de Hong Kong em meio a preocupações sobre uma nova lei de segurança imposta pela China.

Bolsas regionais em Nagoya, Fukuoka e Sapporo também foram forçadas a suspender as negociações porque usam o mesmo sistema.

Mas as negociações de derivativos em Osaka não foram afetadas, com os futuros do Nikkei avançando 0,2%.

PUBLICIDADE

Profissão Broker: como fazer carreira na elite da bolsa da valores, mesmo saindo do zero.