Bolsa brasileira volta a fechar às 17h a partir de 11 de março

O retorno ocorre devido ao início do horário de verão nos Estados Unidos, conforme informou a Bolsa Brasileira em ofício

Equipe InfoMoney

B3 Bovespa Bolsa de Valores de São Paulo (Germano Lüders/InfoMoney)

Publicidade

A B3 volta a operar em seu horário normal, encerrando o pregão regular às 17h (horário de Brasília), a partir do pregão de segunda-feira, 11 de março. O retorno ocorre devido ao início do horário de verão nos Estados Unidos, conforme informou a Bolsa Brasileira em ofício na última terça-feira (23).

Com isso, o mercado à vista, incluindo o Ibovespa e demais índices, segue com abertura às 10h (horário de Brasília), mas o fechamento volta às 17h. O novo horário também traz de volta o after market, das 17h30 às 18h.

O cancelamento de ofertas pela manhã acontece entre 9h30 e 9h45 e após o fechamento do mercado, entre 17h25 e 17h30. Além do mercado à vista, os horários de negociações incluem também o mercado fracionário e de opções. O mercado a termo vai até 17h25.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Mesmo sem horário de verão no Brasil, a Bolsa tem operado no atual horário estendido desde 6 de novembro de 2023 por conta do diferencial em relação à bolsa de Nova York.

Os Estados Unidos irão entrar no horário de verão em 10 de março (domingo). Com isso, a diferença entre Brasil e Nova York cairá das atuais duas horas para apenas uma hora.

Em relação ao horário de Brasília, as bolsas dos EUA passam então a abrir às 10h30 e fechar às 17h.

Continua depois da publicidade

A alteração no pregão na B3 acontece todos os anos, tendo como objetivo seguir o horário de funcionamento do mercado nos EUA, já que grande parte  do volume negociado diariamente é de investidores estrangeiros.

Mercados futuros

Já a negociação dos mercados futuros seguirá no horário ampliado a partir de 11 de março. Assim, os contratos e minicontratos futuros de Ibovespa (IND e WIN, respectivamente) continuam a ser operados até às 18h25. Os contratos e minicontratos futuros de dólar comercial (DOL e WDO) encerram negociações às 18h30.

Esse horário já é praticado todos os anos entre novembro e março, quando não há horário de verão nos Estados Unidos. Agora, o horário seguirá ampliado também durante os meses de março a novembro, quando derivativos ligados ao Ibovespa encerram a negociação às 17h55 e os ligados ao dólar, às 18h.

A B3 apontou que o objetivo da mudança “integra os esforços para facilitar o acesso ao mercado de capitais”.

(com Estadão Conteúdo)