Em mercados / bitcoin

Bitcoin deve superar a máxima histórica em até um ano, confia especialista

Para Felipe Sant'anna, fundador da Paradigma Capital, é difícil prever a trajetória da criptomoeda, mas não deve demorar mais de um ano para superar a marca dos US$ 20 mil

SÃO PAULO - Em menos de um mês, o Bitcoin saiu da casa dos US$ 7 mil e chegou a superar US$ 13 mil, passando por uma forte volatilidade nos últimos dias. Agora, os investidores tentam entender o novo cenário, com o mercado lutando para a manutenção da marca dos US$ 10 mil.

Em entrevista ao programa Bloco Cripto, Felipe Sant'anna, fundador da Paradigma Capital, mostrou otimismo com o ambiente e lembrou que, em abril, pela primeira vez no ano, o valor do mercado passou o valor realizado, ou seja, as posições não realizadas, na média, passaram para o lucro. 

"Isso é um sinalizador de que a gente entrou em uma nova fase do ciclo e que no médio e longo prazo a tendência acho que é para cima", afirma. Já o apresentador Safiri Félix brinca e diz que, "quem sobreviveu a 2018 não tem por que estar ansioso ou reticente com a recuperação de agora".

Para Sant'anna, o processo de "financeirização" do Bitcoin é imparável, apesar das discrepâncias regulatórias ao redor do mundo. "Os empreendedores vão arbitrar estas regulações e fazer o que eles têm que fazer onde quer que seja", afirma.

O fundador da Paradigma também comentou um artigo recente que escreveu sobre a libra, a criptomoeda do Facebook. Segundo ele, o modelo de negócio não é sustentável no longo prazo, sendo que a rede social está se aproveitando do momento para capitalizar neste mercado e sustentar a empresa.

Para ele é possível afirmar que Mark Zuckerberg, fundador do Facebook, está colocando em prática um plano para "controlar" uma região ou país, começando pelo Banco Central.

"Ele acabou de descobrir um tabuleiro de War completamente novo e que quase ninguém está jogando ainda, só 0,5% do mundo. E ele está começando a dominar territórios antes", explica sobre a criação da moeda digital que pode ganhar poder e ser adotada por diversas sociedades.

Questionado sobre a continuidade do cenário positivo, Sant'anna diz que não há como prever a trajetória do Bitcoin, mas que tem muita confiança de que a criptomoeda eventualmente vai superar a marca histórica de US$ 20 mil. "Pode demorar dias, meses, um ano de repente. Mais do que isso eu acho difícil", afirma.

Confira a entrevista completa no player acima.

Invista em bitcoins com segurança, facilidade e taxa ZERO: abra uma conta gratuita na XDEX

 

Tudo sobre:  Bitcoin  

Contato