Tendência

Barcelona entra no mercado de criptomoedas para interagir com torcedores

O Barça planeja emitir tokens para serem usados em uma plataforma para engajar torcedores. É a nona equipe de primeira linha a usar a Chiliz do Socios.com

arrow_forwardMais sobre
Barcelona
(Dilvugação/Barcelona)

(Bloomberg) — Os torcedores do Barcelona estão prestes a entrar no blockchain.

O Barça planeja emitir tokens para serem usados em uma plataforma para engajar torcedores. Os tokens, com previsão de lançamento no segundo trimestre, permitirão que os usuários votem em uma série de decisões sobre o time, como qual música tocar no estádio quando o time marcar um gol. A ideia é permitir que torcedores de todo o mundo participem do clube.

Os torcedores podem fazer o download do aplicativo Socios.com, comprar as moedas digitais do aplicativo, chamadas de Chiliz, e usá-las para comprar os tokens do Barça. Serão oferecidas 40 milhões de moedas do Barça por 2 euros cada, e a maior parte da renda será destinada ao clube, disse Alexandre Dreyfus, presidente da Socios.com, fabricante da Chiliz, em entrevista por telefone. Os tokens Chiliz são negociados em várias bolsas de moedas digitais e também podem ser guardados em uma carteira de criptomoedas.

PUBLICIDADE

O FC Barcelona é a nona equipe de primeira linha a usar a Chiliz do Socios.com para emitir tokens, disse Dreyfus. Outros clubes incluem o Paris Saint-Germaine e a Juventus. Desde que os tokens de torcedores foram lançados em dezembro, cerca de 110 mil usuários se inscreveram, comprando uma média de US$ 20 em moedas, disse.

Quer investir em criptos com segurança e taxa ZERO? abra uma conta na XDEX.