Banco Pan (BPAN4) lucra R$ 191 milhões no 2º trimestre, baixa anual de 1,5%; inadimplência sobe para 8%

Margem financeira líquida gerencial atingiu 9% entre abril e junho de 2023, alta de 0,3 p.p. na comparação com igual etapa de 2022

Felipe Moreira

Publicidade

O Banco Pan (BPAN4) reportou lucro líquido ajustado de R$ 191 milhões no segundo trimestre deste ano (2T23), um desempenho 1,5% inferior ao registrado no segundo trimestre de 2022, informou a companhia nesta quinta-feira (3).

A margem financeira líquida gerencial atingiu 9% entre abril e junho de 2023, alta de 0,3 ponto percentual (p.p.) na comparação com igual etapa de 2022.

O retorno sobre patrimônio líquido (ROE, na sigla em inglês) foi de 11,2% no segundo trimestre de 2023.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

O índice de inadimplência de 90 dias atingiu 8% no segundo trimestre de 2023, um aumento de 0,8 p.p. frente ao primeiro trimestre deste ano.

Saiba mais:

Confira o calendário de resultados do 2º trimestre de 2023 da Bolsa brasileira

Continua depois da publicidade

O que esperar da temporada de resultados do 2º trimestre? Confira ações e setores para ficar de olho

Já a despesa líquida de provisão de créditos totalizou R$ 431 milhões no 2T23, frente aos R$ 466 milhões do 2T22.

As despesas administrativas e de pessoal totalizaram R$ 595 milhões no 2T23, frente aos R$ 597 milhões no 1T23 e aos R$ 607 milhões do 2T22.

As despesas com originação somaram R$ 400 milhões ao final do trimestre frente aos R$ 553 milhões do 1T23 e aos R$ 505 milhões do 2T22, acompanhando os volumes de originação de crédito e de aquisição de clientes.

Já a carteira de crédito total cresceu 6% no segundo trimestre de 2023, para R$ 38,1 bilhões.

A captação de recursos totalizou R$ 39,6 bilhões no segundo trimestre.

O patrimônio líquido consolidado do Pan totalizou R$ 7,897 bilhões no 2T23, frente aos R$ 7,812 bilhões no 1T23 e R$ 7,719 bilhões no 2T22.