Atividade mais fraca faz Bolsas da Europa fecharem em queda

Ação da cervejaria Carlsberg cai mais de 9% após aquisição frustrada

Estadão Conteúdo

Foto: Reuters
Foto: Reuters

Publicidade

As bolsas da Europa fecharam em baixa nesta sexta-feira, 21, em uma sessão com a divulgação de uma série de indicadores de atividade fracos na região. Os índices de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) vieram abaixo do esperado para indústria e serviços em uma série de economias, enquanto no Reino Unido, pesou ainda a cautela diante de dados apontando uma deterioração no quadro fiscal.

O índice pan-europeu Stoxx600 fechou em baixa de 0,69%, a 515,34 pontos.

Os mercados acionários da Europa aprofundaram perdas após a última rodada de PMIs, que decepcionou de forma quase generalizada. O PMI composto da zona do euro caiu para 50,8 na leitura preliminar de junho, contrariando expectativa de alta, com fraco desempenho tanto da indústria quanto dos serviços. Na Alemanha, os PMIs também recuaram inesperadamente.

Continua depois da publicidade

“Dados fracos apoiam a nossa convicção de que o corte agressivo do Banco Central Europeu (BCE) foi impulsionado por preocupações de crescimento. Apesar dos fracos PMI de junho, o mercado prevê apenas 70% de probabilidades de um corte em setembro, contra 80% no início desta semana”, aponta o BBH.

Em Frankfurt, o DAX fechou em baixa de 0,38%, a 18.185,23 pontos. Em Paris, o CAC 40 teve queda de 0,56%, a 7.628,57 pontos. Em Milão, o FTSE MIB caiu 0,98%, a 33.308,77 pontos. Em Lisboa, o PSI 20 recuou 1,21%, a 6.570,47 pontos.


Já no Reino Unido, o PMI composto foi arrastado para baixo pelo segmento de serviços, mas a indústria avançou. Um resultado de vendas melhor do que se previa do varejo britânico, em maio, ficou em segundo plano. Neste caso, ganhou destaque ainda a notícia de que o país atingiu sua maior dívida pública com relação ao PIB desde 1961, resultado que vem semanas antes das eleições de 4 de julho, quando a questão fiscal deve ser um dos temas mais relevantes para os eleitores.

Continua depois da publicidade

Em Londres, o FTSE 100 caiu 0,42%, a 8.237,72 pontos.

No noticiário corporativo, a ação da Carlsberg tombou 9,32%% em Copenhague, após a cervejaria dinamarquesa fazer uma fracassada tentativa de comprar a Britvic, fabricante britânica de refrigerantes cuja ação saltou 7,78% em Londres.

Segundo a Bloomberg, o Banco Santander está em negociações avançadas com a Amazon para estabelecer uma parceria de financiamento ao consumidor em toda a Europa.

Continua depois da publicidade

O acordo permitiria que o Santander oferecesse opções de financiamento para os compradores da Amazon, começando pela Alemanha e expandindo para outros países europeus. Em Madri, as ações do Santander caíram 2,39%, onde o Ibex35 recuou 1,15%, a 11.032,30 pontos.

Baixe uma lista de  10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de crescimento para os próximos meses e anos