Oferta de ações

Arábia Saudita estuda retomar IPO da Aramco, dizem fontes

A Aramco, a empresa mais rentável do mundo, conversou recentemente com um seleto grupo de bancos de investimento para discutir detalhes da oferta

arrow_forwardMais sobre

(Bloomberg) – A Arábia Saudita retomou os planos para uma possível oferta pública inicial da gigante de petróleo Aramco, meses depois da decisão de suspender o IPO, disseram pessoas com conhecimento do assunto.

A Aramco, a empresa mais rentável do mundo, conversou recentemente com um seleto grupo de bancos de investimento para discutir detalhes da oferta, de acordo com as pessoas. Os planos para o IPO seriam acelerados ainda este ano ou no início de 2020, disseram as pessoas, que pediram para não serem identificadas porque o assunto é confidencial.

Um IPO da Aramco ainda enfrentaria obstáculos significativos, como a capacidade da Arábia Saudita de conseguir o valuation de US$ 2 trilhões pretendido para a empresa.

A demanda pelas ações da Aramco também pode ser afetada pelas cotações mais baixas do petróleo, bem como pela preocupação crescente entre os principais investidores institucionais de investir em empresas de combustíveis fósseis que contribuem para a mudança climática.

Além disso, o príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohammed bin Salman, quer listar a Aramco em Nova York, mas assessores estão cautelosos em expor a empresa aos riscos de litígios nos Estados Unidos. O príncipe Mohammed insistiu que o IPO deve sair em 2020 ou 2021.

Depois de trabalhar com bancos por mais de dois anos, a Aramco adiou os planos para o IPO em 2018 e decidiu comprar uma participação avaliada em US$ 69 bilhões na gigante química Saudi Basic Industries. Segundo fontes, a Aramco planeja aguardar até que a aquisição da Sabic seja concluída antes de seguir com o IPO, disse uma das pessoas.

A Aramco não respondeu imediatamente a pedidos de comentário.

–Com a colaboração de Javier Blas.

©2019 Bloomberg L.P.

PUBLICIDADE

Quer investir melhor o seu dinheiro? Clique aqui e abra a sua conta na XP Investimentos