Avaliação

Aprovação de Biden cresce à medida que mais norte-americanos são vacinados, diz Reuters/Ipsos

59% dos adultos dos Estados Unidos aprovam o desempenho geral de Biden no cargo, enquanto 35% desaprovam e 6% disseram não ter certeza

Joe Biden discursa em sua posse como presidente dos EUA
Patrick Semansky/UPI/Shutterstock

NOVA YORK (Reuters) – O número de norte-americanos que aprovam o presidente Joe Biden cresce constantemente desde que ele tomou posse, de acordo com uma pesquisa Reuters/Ipsos divulgada nesta sexta-feira, um resultado impulsionado pelas medidas concretas que seu governo tomou para tratar das crises de saúde pública e econômica causadas pela pandemia de coronavírus.

O levantamento feito entre 17 e 18 de março apontou que 59% dos adultos dos Estados Unidos aprovam o desempenho geral de Biden no cargo, enquanto 35% desaprovam e 6% disseram não ter certeza.

O percentual de adultos que aprovam Biden aumentou quatro pontos desde uma pesquisa do final de janeiro, o que se deve em grande parte a um crescimento de popularidade do presidente entre aqueles que se consideram independentes — nem democratas nem republicanos.

Cerca de 6 de 10 independentes disseram aprovar Biden na última sondagem, mais do que os cerca de 5 em 10 que se sentiam assim em janeiro.

A pesquisa revelou ainda que os norte-americanos parecem estar satisfeitos sobretudo com a maneira como Biden administra a reação nacional ao coronavírus, e mais da metade do país aprova sua influência na economia dos EUA.

Aprovaram como Biden lida com a pandemia 65% dos norte-americanos, e 52% dos adultos disseram que gostam de como ele direciona a economia e os empregos.

O índice de aprovação alto chega no momento em que mais vacinas contra o coronavírus são administradas no país, que está a caminho de atingir a meta do presidente de aplicar 100 milhões de doses bem antes de um prazo do final de abril.

Os EUA são tão bem sucedidos na obtenção de estoques de vacina que Biden começou a fazer planos para fornecer a outros países doses de uma vacina que ainda aguarda uma autorização para uso no país.

Enquanto isso, a população também começou a receber pagamentos em dinheiro como parte de um plano de estímulo de 1,9 trilhão de dólares que Biden e parlamentares democratas aprovaram no início deste mês.

PUBLICIDADE

Mas a pesquisa também mostrou que a população é mais crítica quanto ao desempenho que Biden mostrou até agora na imigração, já que o governo está confrontando um influxo de imigrantes na fronteira sul com o México.

A pesquisa Reuters/Ipsos entrevistou 1.005 adultos pela internet em inglês, incluindo 456 democratas e 374 republicanos, e tem um intervalo de credibilidade, que é uma medida de precisão, de 4pontos percentuais.

Transformar a Bolsa de Valores em fonte recorrente de ganhos é possível. Assista a aula gratuita do Professor Su e descubra como.