Ânima (ANIM3) confirma proposta para venda da São Judas, Sequoia (SEQL3) vende Lincros e Dexco (DXCO3) estuda incorporar subsidiária

Confira os principais destaques do noticiário corporativo desta quinta-feira (23)

Felipe Moreira

Foto: Reprodução Facebook

Publicidade

O radar corporativo desta quinta-feira (23) traz a Sequoia Logística, que concluiu a venda de suas ações de emissão da Lincros.

A Ânima (ANIM3), por sua vez, confirmou que recebeu proposta para venda da Universidade São Judas.

Já Dexco (DXCO3) iniciou dos estudos e da preparação para a efetivação da incorporação de sua subsidiária integral Dexco Revestimentos Cerâmicos S.A,

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Itaúsa (ITSA4) anunciou aumento de capital de R$ 8,812 bi e aprovou bonificação de ações na proporção de 5 para 100.

CVC (CVCB3) movimentou R$ 226,2 mi com exercício de 81,67 milhões bônus de subscrição.

Cemig (CMIG4) concluiu venda de fatia em Retiro Baixo para Furnas por R$ 223,4 milhões.

Continua depois da publicidade

Confira mais destaques:

Ânima (ANIM3)

A Ânima (ANIM3) afirmou em comunica que sempre avalia oportunidades que possam otimizar seu portfólio de ativos, destravar valor para seus acionistas e aprofundar discussões de estrutura de capital que priorizem a agenda de desalavancagem. Nesse contexto, confirma ter recebido proposta não-vinculante para venda da Universidade São Judas.

O esclarecimento foi dado após matéria do Valor ter informado que o grupo educacional pretendia vender a Universidade ainda neste mês, fazendo com que as ações subissem 4,16% na sessão da véspera.

“Nesse sentido, diante da divulgação da matéria da mídia acima referenciada, que trata de questões protegidas por sigilo e compromissos de confidencialidade por todos os envolvidos, a companhia informa ter recebido propostas não vinculantes para aquisição da Universidade São Judas, de investidores estratégicos e financeiros”, completa a companhia.

Porém, a empresa esclarece ainda que não há nenhuma decisão da companhia acerca do interesse em relação às referidas propostas, nem tampouco qualquer certeza de que alguma decisão será adotada nesse sentido.

Sequoia (SEQL3)

A Sequoia Logística concluiu a venda para JGA Prime de 37.600.667 ações de emissão da Lincros, de sua titularidade, sendo 26.837.393 ações ordinárias e 10.763.274 ações preferenciais, representativas de 41% do capital social da Lincros, correspondendo à totalidade da participação da Sequoia.

A transação considerou Equity Value de R$ 53,6 milhões para 100% da Lincros, sendo que o valor total a ser pago para a Sequoia é de R $22,0 milhões com uma combinação de pagamentos ainda em 2023 (correspondente a mais de 2/3 do valor total) e pagamentos futuros parcelados.

A empresa utilizará os recursos da venda para reforço do capital de giro e continuidade do plano de retomada apresentado na Divulgação do 3T23.

Dexco (DXCO3)

O Conselho de Administração da Dexco (DXCO3) aprovou o início dos estudos e da preparação para a efetivação da incorporação de sua subsidiária integral Dexco Revestimentos Cerâmicos S.A, com o objetivo de simplificar e tornar mais eficiente a estrutura societária do grupo da compahia.

A efetivação da incorporação está sujeita, ainda, a aprovações pelo Conselho de Administração, pelo Conselho Fiscal e pela Assembleia Geral da Companhia, bem como pela Assembleia Geral da Dexco RC, que serão realizadas oportunamente, após a conclusão dos estudos e preparação da incorporação.

PDG (PDGR3)

A PDG informou que Reag Investimentos alienou participação acionária na companhia, passando a deter 77.100 ações ordinárias, equivalentes a aproximadamente 2,39% do capital social da companhia.

Gafisa (GFSA3)

A Gafisa Informou que o acionistas Pedro Novellino reduziu sua participação acionária passando a deter 5.802.000 ações, representativas de 9,17% do capital social da Gafisa.

Paranapanema (PMAM3)

A Paranapanema informou que, na última quarta-feira (22), foi publicada decisão homologatória do Plano de Recuperação Judicial da Companhia, conforme proferida em 16 de novembro de 2023 pelo D. Juízo da 1ª Vara Regional de Competência Empresarial e de Conflitos Relacionados à Arbitragem da 1ª RAJ da capital do Estado de São Paulo.

Em face de tal publicação, inicia-se na data de hoje a 1ª Janela do Pedido de Conversão, durante a qual os credores poderão manifestar eventual interesse na conversão de seus créditos em ações de emissão da Companhia, pelo preço de R$ 4,74 por ação, nos termos da Cláusula 11 do Plano de Recuperação Judicial. A 1ª Janela do Pedido de Conversão permanecerá aberta até o dia 22 de dezembro de 2023, inclusive.

Localiza (RENT3)

A Localiza informou que encerrou o prazo para os acionistas ou respectivos cessionários exercerem o seu direito de preferência para subscrição de ações ordinárias emitidas pela Companhia no âmbito do aumento do capital social, para subscrição privada, aprovado em reunião do Conselho de Administração da Companhia realizada em 22 de setembro de 2023.

Durante o período de exercício do direito de preferência, foram subscritas 7.363.92 ações, ao preço de R$ 47,13 por Ação, totalizando um valor de R$ 347.061.926,64.

Tendo em vista que, no âmbito do Aumento de Capital, foi aprovada a emissão de uma quantidade máxima de 7.734.731 ações ordinárias, verificou-se a sobra de 370.803 ações não subscritas. As Sobras poderão ser subscritas pelos acionistas ou cessionários que tiverem manifestado interesse na reserva de sobras.

Cemig (CMIG4)

A Cemig (CMIG4) informou que sua subsidiária Cemig Geração e Transmissão concluiu nesta quarta-feira (22), a alienação de sua participação direta de 49,9% do Capital social da Retiro Baixo Energética para Furnas Centrais Elétricas S.A.

O valor da operação, corrigido por 100% do CDI desde 31 de dezembro de 2022, resultou no montante de R$ 223,4 milhões.

Federalização em pauta

A companhia também esclareceu notícia da Folha de S. Paulo do fim de semana de título “Pacheco articula federalização da Cemig para abater dívida de Minas”.

A estatal mineira de energia disse que trata-se de um processo sem qualquer participação da Cemig, que, se em curso, tramita em âmbito externo da companhia, que não possui conhecimento para além do divulgado pela mídia.

Na véspera, o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), concordou com a proposta de repassar ativos estaduais para a União para abater parte da dívida do Estado com o governo federal, ainda que sem cravar quais seriam as empresas, fazendo com que CMIG4 caísse quase 10%.

Itaúsa (ITSA4)

A holding Itaúsa (ITSA4) aprovou aumento do capital social da companhia, mediante a capitalização de reservas de lucros com bonificação de 5% em ações com emissão de 491.816.639 novas ações, sendo 169.014.392 ordinárias e 322.802.247 preferenciais, que serão atribuídas gratuitamente aos acionistas, a título de bonificação, na proporção de 5 ações novas para cada 100 ações da mesma espécie. O valor do aumento de capital é de R$ 8,812 bilhões.

Terão direito à bonificação os acionistas que forem titulares de ações de emissão da Itaúsa, conforme a posição acionária que possuírem no capital da companhia no fechamento do pregão da B3 do dia 27 de novembro de 2023.

CVC (CVCB3)

A CVC (CVCB3) informou que, na última terça-feira (21), foram exercidos 81.677.122 bônus de subscrição emitidos pela companhia, resultando na emissão de 81.677.122 novas ações, no montante total de R$ 226,2 milhões.

O número de títulos exercidos foi equivalente a aproximadamente 98% do total de bônus de subscrição emitidos.

As ações emitidas pela CVC no contexto do exercício dos bônus de subscrição foram integralizadas e creditadas aos seus subscritores na data de hoje.

Camil (CAML3)

A Camil Alimentos (CAML3) aprovou o pagamento de juros sobre capital próprio (JCP) no valor bruto de R$ 25 milhões, correspondente ao valor bruto unitário de R$ 0,072904683 por ação ordinária.

Terão direito ao JCP todos os acionistas detentores de ações ordinárias de emissão da companhia na data base de 27 de novembro de 2023.

As negociações de ações da Camil, a partir do dia 28 de novembro de 2023, inclusive, serão realizadas na condição “ex-juros sobre capital próprio”.

Os proventos serão pagos no dia 6 de dezembro de 2023.

O valor indicado poderá ser atualizado em decorrência das operações do programa de recompra vigente, caso haja movimentação.

Kepler Weber (KEPL3)

A Kepler Weber (KEPL3) também aprovou o pagamento de dividendos intermediários a ser deduzido da Reserva para Investimentos e Capital de Giro e juros sobre capital próprio (JCP) referente ao exercício a ser encerrado em 31 de dezembro de 2023.

A companhia vai pagar R$ 12,3 milhões a título de JCP, correspondente a R$ 0,06947597 por ação ordinária, além de dividendos intermediários no valor de R$ 7,7 milhões, correspondente a R$ 0,04367165 por ação.

Sabesp (SBSP3)

O Congresso de Comissões da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp) aprovou na quarta o relatório do deputado estadual Barros Munhoz (PSDB) sobre o projeto de lei (PL) que prevê a privatização da Sabesp (SBSP3). O relatório recebeu 27 votos favoráveis e 8 contrários. O tema segue agora para plenário.

No esforço do governo para acelerar a tramitação do projeto, além do regime de urgência, sua passagem pelas comissões na Assembleia ocorreu em um congresso dos colegiados – em vez de passar separadamente em cada um deles. Esse congresso inclui, entre outras, as comissões de Constituição, Justiça e Redação e a de Finanças, Orçamento e Planejamento.

No plenário, a previsão do governo é votar o projeto ainda nas próximas semanas. Para ser aprovado, o PL precisa de 48 votos do total de 94 deputados. Para a oposição, o quórum é favorável para o governador Tarcísio de Freitas (Republicanos).

Banco da Amazônia

O Banco da Amazônia informou que, o acionista controlador autorizou a instituição a iniciar estudos visando ao fortalecimento do capital do Banco por meio do aumento de capital.

(com Estadão Conteúdo)