Em mercados / analise-tecnica

"Ação da Petrobras tem uma chance enorme de chegar aos R$ 30,00 ainda em 2018", diz Fernando Góes

Mas para quem olha para o curto prazo, esse não é o momento de pensar em compras com a petroleira; as melhores oportunidades estão em Vale e Gerdau, aponta o analista

Fernando Góes,

SÃO PAULO - Depois de subir 32% do dia 15 de dezembro para cá, é natural pensar em uma correção das ações da Petrobras (PETR4) no curto prazo, diz o analista técnico Fernando Góes, que recentemente encerrou uma operação com opções da estatal com ganhos de mais de 200%. Ainda assim, ele aponta que, para quem pensa no médio e longo prazo, os gráficos da petroleira seguem bem otimistas. 

"Temos um OCOI (Ombro-Cabeça-Ombro Invertido) dentro de outro. Quem quiser comprar para ficar o ano inteiro, pode comprar. É claro que para trade é um risco, mas o gráfico dela é coisa de livro. A Petrobras tem uma chance enorme de chegar aos R$ 30 ainda este ano (um potencial de valorização de mais de 50%, considerando o patamar atual)", avalia o analista.

Mas, para os investidores de curto prazo, ele aponta que o papel pede por um "caiu, comprou" antes de dar novas entradas. As melhores oportunidades nesse cenário estariam em Vale e Gerdau, comenta. Tanto é que Góes tem aberto um call com a mineradora e dois com a siderúrgica para o exercício das opções de fevereiro.

Entre eles, o maior potencial de ganhos está na Vale, em uma operação que o analista chama de 10 x 1. Isto é, com potencial de valorização de até 1.000%.

A operação em questão é uma trava de alta com a mineradora, que foi aberta ontem, com as opções VALEB14 (com preço de exercício em R$ 44,49) e VALEB454 (em R$ 45,49). Nessa operação, o investidor compra a opção de compra mais curta (VALEB14) e venda a mais longa (VALEB454). Na hora do call, a montagem da operação saiu a R$ 0,10, com potencial de atingir R$ 1,00. 

Para a recomendação andar, a ação da mineradora precisa alcançar os R$ 44,49 antes do vencimento das opções no dia 19 de fevereiro, o que representaria uma alta do papel de 5,6% frente ao patamar atual. Nesta sessão, os papéis da Vale subiam 1,54%, segundo cotação das 10h46 (horário de Brasília), sendo cotados a R$ 42,11. 

Quer saber como encontrar essas operações com potencial de ganhos de até 1.000% na Bolsa? Clique aqui e inscreva-se no workshop online e gratuito do analista Fernando Góes na próxima quinta-feira (01/02).

 

Contato