Em mercados / analise-fundamentalista

PAX adota estratégia mais defensiva em sua carteira recomendada de fevereiro

Portfólio de 13 ações da corretora possui forte correlação com o Ibovespa; carteira teve rentabilidade de 5,32% em janeiro

SÃO PAULO - A PAX Corretora divulgou a carteira recomendada para fevereiro, realizando seis alterações no portfólio em relação às empresas que compunham a carteira de janeiro. A equipe de análise optou acrescentar as ações de EzTec (EZTC3), Magazine Luiza (MGLU3), Randon (RAPT4), Redecard (RDCD3), Estácio (ESTC3) e PDG Realty (PDGR3).

No mês de janeiro, a carteira sugerida registrou alta de 5,32%, resultado abaixo do Ibovespa, que avançou 11,13%. Segundo a corretora, a estratégia mais defensiva adotada em seu portfólio fez com que o resultado ficasse bem abaixo do benchmark da bolsa brasileira.

"Começamos o ano de 2012 cautelosos, e por isso adotamos um portfólio com beta defensivo – medida de risco em relação ao mercado. Mas, diante do apetite ao risco demonstrado pelos investidores, estaremos reposicionando nosso portfólio com ativos mais arriscados para este mês que inicia", explicam os analistas da corretora.

Confira as recomendações para o mês de fevereiro:

Empresa Código Peso
EzTec EZTC3 10%
M. Dias Branco MDIA3 10%
Itaú Unibanco ITUB4 10%
Magazine Luiza MGLU3

10%

Randon RAPT4 10%
Sabesp SBSP3 5%
Vale VALE5 10%
Celesc CLSC4 5%
Estácio ESTC3 5%
PDG Realty PDGR3 5%
ALL ALLL3 5%
Redecard RDCD3 10%
Telefônica Brasil VIVT4 5%

 

Contato