Em mercados / acoes-e-indices

Traders estão "vendidos" em S&P 500 no maior nível desde 2015

Cresce a aposta de investidores na queda do mercado de ações americano

Bolsa
(Shutterstock)

(Bloomberg) -- A aposta dos investidores em posições "vendidas" no mercado de ações dos EUA está no maior nível desse que o Fed começou a elevar as taxas de juros.

A posição em venda de ações como porcentagem das papéis em circulação do ETF Trust, que espelha o S&P 500, subiu até 7% nesta semana, de acordo com dados da IHS Markit. Essa é a maior marca desde 2015, quando o S&P entrou em correção após o Fed começar a subir os juros, que até então estavam próximo de zero.

Desta vez, existem vários culpados pelo receio do mercado. A tensão comercial entre os Estados Unidos e a China parece estar piorando e o Fed continua firme, enquanto o mercado segue prevendo um corte nos juros. Ainda assim, o índice S&P 500 está a apenas 4% de seu maior nível histórico.

"Há algumas nuvens se formando no horizonte", disse Matthew Litfin, gestor de recursos da Columbia Threadneedle Investments. Além da disputa EUA-China, “você também não pode realmente ter esse cenário ’Goldilocks’ em que estamos, onde a economia é muito boa e o Fed alivia. O Fed não alimenta o fogo, o Fed tira a tigela de ponche. Eles não reabastecem a tigela de ponche na festa”, acrescentou.

Invista em ETFs com a ajuda da melhor assessoria do país: abra uma conta gratuita na XP!

 

Contato