Em mercados / acoes-e-indices

Ibovespa descola do exterior e sobe 1% após pesquisa eleitoral; dólar cai para R$ 4,16

Enquanto os índices norte-americanos ficaram estáveis com novos temores sobre guerra comercial, a bolsa brasileira teve um dia de recuperação

Analistas
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Após abrir com ganhos, o Ibovespa chegou a virar para o campo negativo junto com o mercado norte-americano com o aumento da tensão comercial entre os Estados Unidos e a China. O índice, porém, ganhou força e fechou com alta expressiva com o mercado digerindo a mais recente pesquisa eleitoral XP/Ipespe.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

O benchmark da bolsa brasileira fechou com alta de 0,99%, aos 75.429 pontos, após chegar a subir 1,36% na máxima do dia. Mesmo com os ganhos, o índice não conseguiu evitar uma queda de 1,29% na semana. O dólar comercial, por sua vez, também teve um dia de alívio, recuando 0,69%, cotado a R$ 3,1667 na venda.

No exterior, o dia foi de estabilidade para os índices dos EUA após a Bloomberg informar que o presidente Donald Trump instruiu seus assessores a prosseguir com as tarifas adicionais de cerca de US$ 200 bilhões em produtos chineses. Até então, havia a expectativa de que a animosidade entre os países se dissipasse com a possibilidade de uma reunião entre membros dos respectivos governos ainda nesta semana.

Por aqui, a corrida eleitoral segue em destaque. Jair Bolsonaro (PSL) ampliou sua vantagem em relação aos adversários na corrida presidencial e viu sua taxa de rejeição deixar de ser a maior entre os candidatos. É o que mostra pesquisa XP Investimentos/Ipespe, realizada entre 10 e 12 de setembro.

Segundo o levantamento, o parlamentar saltou de 23% para 26% das intenções de voto no intervalo de uma semana e agora está 14 pontos percentuais à frente de Ciro Gomes (PDT), adversário mais bem posicionado na disputa. A margem de erro máxima é de 2 pontos percentuais para cima ou para baixo. 

Fernando Haddad (PT) chegou a 10% das intenções de voto no cenário estimulado de primeiro turno. O desempenho representa uma oscilação positiva de 2 pontos percentuais em relação à pesquisa da semana anterior e um salto de 4 pontos comparando com levantamento de duas semanas atrás. Veja aqui a pesquisa completa. Ainda é esperada a sondagem do Datafolha, estimada para ser publicada após o fechamento do pregão.

As maiores altas, dentre as ações que compõem o Índice Bovespa, foram:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 BRAP4 BRADESPAR PN 32,32 +4,60 +16,65 56,66M
 RADL3 RAIADROGASILON 76,96 +4,07 -15,81 96,33M
 HYPE3 HYPERA ON 27,75 +3,93 -19,85 81,16M
 LREN3 LOJAS RENNERON 28,88 +3,51 -18,27 133,53M
 ESTC3 ESTACIO PARTON 21,05 +2,73 -35,27 53,74M

As maiores baixas, dentre os papéis que compõem o Índice Bovespa, foram:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 ELET3 ELETROBRAS ON 14,71 -3,48 -23,94 57,62M
 ELET6 ELETROBRAS PNB 17,51 -2,94 -22,86 61,50M
 BTOW3 B2W DIGITAL ON 24,00 -1,96 +17,07 40,11M
 USIM5 USIMINAS PNA 7,00 -1,55 -22,74 99,11M
 ECOR3 ECORODOVIAS ON 7,41 -1,33 -37,41 17,65M

As ações mais negociadas, dentre as que compõem o índice Bovespa, foram:

 Código Ativo Cot R$ Var % Vol1 Vol 30d1 Neg 
 PETR4 PETROBRAS PN N2 18,79 +0,43 1,04B 1,00B 57.459 
 VALE3 VALE ON 55,20 +2,64 931,23M 711,63M 32.284 
 ITUB4 ITAUUNIBANCOPN 42,13 +1,76 521,24M 474,31M 31.904 
 BBDC4 BRADESCO PN EJ 27,71 +0,43 367,44M 332,86M 27.120 
 BBAS3 BRASIL ON EJ 27,51 +0,81 304,83M 329,12M 24.369 
 SUZB3 SUZANO PAPELON 52,00 +0,46 269,05M n/d 16.897 
 B3SA3 B3 ON 21,63 +2,03 213,09M 164,54M 23.757 
 ABEV3 AMBEV S/A ON 18,23 -0,55 186,96M 277,00M 19.104 
 PETR3 PETROBRAS ON N2 22,00 +0,69 167,66M 205,97M 15.781 
 VVAR11 VIAVAREJO UNT N2 15,00 -1,32 163,26M 54,87M 26.257 

* - Lote de mil ações
1 - Em reais (K - Mil | M - Milhão | B - Bilhão)
IBOVESPA

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

Contato