Em mercados / acoes-e-indices

Desafio Rússia: dinheiro no bolso já no primeiro dia

Direto da terra da Copa, Wilson Neto e sete traders comemoraram um bem-sucedida operação com foco em dólar

Desafio Rússia
(Arquivo pessoal/Divulgação)

SÃO PAULO - Compre na baixa; venda na alta. Essa recomendação todo mundo já conhece. Mas, quando você é um scalper e quer ganhar dinheiro na Bolsa no curto prazo, é preciso ir além da filosofia de que na renda variável deve-se mirar sempre ganhos de longo prazo.

Considerado um dos maiores scalpers do Brasil, o analista Wilson Neto, da Clear Corretora, selecionou sete traders para mostrar que é possível ganhar no mercado de qualquer lugar do mundo, inclusive na Rússia, onde acontece a Copa.

O primeiro dia do Desafio Rússia foi realizado nesta segunda-feira (18), na frente do estádio de São Petersburgo, onde a Seleção Brasileira enfrenta a Costa Rica nesta sexta (22), em seu segundo jogo no torneio.

Neto orientou o grupo em um rápido trade na abertura. “É um prazer estar aqui e poder ganhar ao vivo”, disse, após uma bem-sucedida operação com foco em dólar, “como a gente faz todo dia, ao vivo, na Sala Clear”. “Dinheiro no bolso no primeiro dia na Rússia. Como é bom!”

O primeiro vídeo do desafio já está disponível na página do Desafio Rússia. Clique aqui e inscreva-se para ser alertado sobre novos vídeos.

 

Contato