EXPERIMENTE!

Clique e experimente a
versão rápida do

Em mercados / acoes-e-indices

Euforia no mercado: Petrobras, Vale, Ambev e bancos ganham R$ 54,5 bilhões de valor

Destaque ficou para a Vale, que disparou 6% e viu seu valor aumentar em R$ 13,3 bilhões

Petrobras
(Alf Ribeiro / Shutterstock.com)

SÃO PAULO - A grande euforia do mercado nesta quarta-feira (14) deu um grande impulso no valor de mercado das maiores empresas da B3, que juntas ganharam R$ 54,532 bilhões neste pregão, com o Ibovespa saltando 3,27%, em seu melhor pregão desde o julgamento do ex-presidente Lula, em 24 de janeiro.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

O grande destaque ficou para a Vale (VALE3), que ficou entre os maiores ganhos do índice hoje e viu seu valor de mercado saltar em R$ 13,264 bilhões. A mineradora teve seu melhor pregão desde 15 de março do ano passado seguindo o movimento dos ADRs nos últimos dois dias e também em meio à alta do minério de ferro na bolsa de Dalian nesta quarta-feira, que subiu 2,57%, a 539,5 iuanes.

Os preços futuros da commodity avançaram para o patamar mais alto em três semanas, sustentados por expectativas de demanda firme por aço na China durante o primeiro semestre deste ano. 

Junto com a minerador, a Ambev (ABEV3), maior empresa da bolsa brasileira, teve uma alta de R$ 11,788 bilhões em seu valor. Já a Petrobras (PETR4), apesar de uma valorização menos expressiva, também teve fortes ganhos em valor, com R$ 4,847 bilhões.

Para completar, os bancos também subiram forte, com Itaú Unibanco (ITUB4) e Bradesco (BBDC4) ganhando R$ 12,254 bilhões e R$ 7,391 bilhões, respectivamente. O Banco do Brasil (BBAS3), por sua vez, viu seu valor de mercado subir R$ 4,985 bilhões.

Nesta sessão, o Ibovespa fechou com alta de 3,27%, aos 83.542 pontos, em seu melhor pregão desde o julgamento do ex-presidente do Lula, dia 24 de janeiro, quando subiu 3,72%. O dólar comercial, por sua vez, teve um forte ajuste, caindo 2,27%, cotado a R$ 3,2274 na venda, praticamente na mínima do dia.

Contato