EXPERIMENTE!

Clique e experimente a
versão rápida do

Em mercados / acoes-e-indices

Megainvestidor em bolsa, Luiz Barsi aponta 2 ações que compraria caso preços caíssem

Caso os ativos das empresas de papel e celulose Klabin e Suzano ficassem mais baratas, a sua intenção era comprar "muito mais destes papéis", afirma o investidor

Luiz Barsi
(Rodrigo Paiva)

SÃO PAULO - Um dos maiores investidores pessoa física em bolsa, o investidor Luiz Barsi destacou ao InfoMoney quais papéis poderia aumentar a sua exposição. 

De acordo com o investidor, caso os ativos das empresas de papel e celulose Klabin (KLBN11) e Suzano (SUZB3)  ficassem mais baratas, a sua intenção era comprar "muito mais destes papéis", em que ele já possui uma boa posição. Enquanto a Klabin ficou perto da estabilidade, as ações da Suzano subiram 37% em 2017. 

Quer saber quais são as perspectivas para esse ano? Confira o guia Onde Investir 2018. Para ver o nosso conteúdo completo, clique aqui.

"São estruturas que, além de ostentarem mais de cem anos de fundação, sempre remuneraram muito bem, além de terem sido sempre extremamente consideradas pelo mercado, e principalmente por seus acionistas minoritários", afirma o investidor.

Vale destacar que as empresas de papel de celulose, mesmo em meio a um possível cenário de volatilidade com os preços das commodities, têm sido destacadas como um bom hedge para os investidores em 2018 por conta da perspectiva de forte volatilidade (e possível valorização do dólar) decorrente do cenário eleitoral. As ações de outra companhia do setor, a Fibria (FIBR3), estão inclusive nos últimos meses na Carteira InfoMoney. (o portfólio de janeiro será revelado no InfoMoneyTV no próximo dia 8, às 15h30. para conferir a carteira de dezembro, clique aqui).  

Contato