Em mercados / acoes-e-indices

Bradesco pode comprar HSBC Brasil por valor entre R$ 10 bi e R$ 14 bi, diz Bloomberg

Segundo fontes ouvidas pela agência de notícias, o Bradesco é apontado como o comprador mais provável da operação do HSBC no Brasil

HSBC - Bloomberg
(Bloomberg)

SÃO PAULO - Segundo informações da agência de notícias Bloomberg, o Bradesco (BBDC4) é o mais provável comprador do HSBC no Brasil, por um valor entre R$ 10 bilhões e R$ 14 bilhões, de acordo com fontes.

Segundo a agência, o Bradesco teria mais facilidade de integrar os ativos do HSBC e de obter aprovação do governo do que um banco estrangeiro como o Santander, que também fez uma oferta, disseram as pessoas, que pediram para não serem identificadas porque as negociações são privadas. O Bradesco estaria disposto a pagar em dinheiro.

A compra, contudo, não seria suficiente para o Bradesco passar o Itaú Unibanco (ITUB4) em ativos, com o primeiro totalizando R$ 1,18 trilhão em ativos e o Itaú com R$ 1,3 trilhão. Já o Banco do Brasil (BBAS3) é o maior, com R$ 1,54 trilhão em ativos. O Itaú também fez a oferta, mas teria menos interesse por ser o banco com maior valor de mercado do Brasil. 

Procurados pela Bloomberg, Itaú, Bradesco, HSBC, Santander e Goldman Sachs não quiseram comentar o assunto. 

Na semana passada, o jornal O Estado de S. Paulo destacou que o Bradesco havia saído na frente na disputa pelas operações brasileiras do HSBC, com uma proposta de R$ 10 bilhões. Na sexta-feira, o Bradesco afirmou desconhecer a fonte da notícia. 

O analista do Deutsche Bank, Tito Labarta, destaca que o HSBC é um dos dez maiores players no Brasil, sendo o sétimo maior banco em atuação no País com 2,2% de participação no mercado de ativos e 1,9% dos empréstimos e com 853 sucursais, correspondendo a 3,7% do sistema. O banco possui ainda R$ 57 bilhões em depósitos para uma cota de mercado de 2,9%. A carteira de crédito do banco é composta principalmente por empréstimos comerciais (70%), enquanto empréstimos a pessoas físicas correspondem a 22% e 8% são hipotecas. Labarta estima um valuation potencial dos ativos do banco de R$ 10 bilhões a 14 bilhões (US$ 3,5 bilhões a US$ 4,6 bilhões). 

 

Tudo sobre:  Ações   HSBC  

Contato