Em mercados / acoes-e-indices

Petrobras, siderúrgicas e mais 12 notícias agitam o radar desta segunda-feira

Confira os principais destaques corporativos nesta manhã; a matéria será atualizada até a abertura da Bovespa às 10h (horário de Brasília)

Petrobras - Bloomberg
(Bloomberg)

SÃO PAULO - O noticiário aparece movimentado nesta segunda-feira (25). Nos destaques, a Petrobras (PETR3; PETR4) vai realizar assembleia geral extraordinária, às 15h (horário de Brasília), na sede da companhia no Rio de Janeiro, para deliberar junto aos acionistas sobre o relatório da administração e demonstrações contábeis de 2014, acompanhadas de parecer do conselho fiscal. Na semana passada, dois fundos de investimento, Ibiúna e HBK, pediram à CVM (Comissão de Valores Mobiliários) o adiamento ou a interrupção da AGE, o que foi negado pela autarquia, conforme apurou o Broadcast. Os fundos questionavam a decisão da companhia de não pagar dividendos referentes a 2014.

Ainda sobre a estatal, a companhia apresentou nova defesa em ação coletiva movida nos Estados Unidos por investidores estrangeiros com uma estratégia que pode reduzir significativamente o número de acionistas representados pelo processo e a indenização que pode vir a desembolsar, informou o Valor. A estatal quer excluir da ação coletiva todas os investidores que compraram ADRs (American Depositary Receipts) e também ações negociadas na BM&FBovespa no período determinado pela ação, de janeiro de 2010 até março deste ano. 

Além disso, um ano e dois meses depois de deflagrada a Operação Lava Jato, a força-tarefa responsável pela investigação da corrupção na Petrobras acredita já ter reunido indícios para tentar comprovar que o esquema de desvios nos contratos de construção de refinarias da estatal foi também reproduzido no mercado do pré-sal. São obras de plataformas, construção e locação de navios e sondas de perfuração para exploração de petróleo - a maior parte deles vigente - que envolvem volume de investimentos público e privado superior aos projetos até agora sob escopo da operação.

Itaú Unibanco (ITUB4)
O Itaú Unibanco diz que está continuamente analisando potenciais operações em esclarecimento da Bovespa sobre interesse no HSBC.  

Siderúrgicas
A produção mundial de aço bruto caiu 1,7% em abril em relação ao mesmo mês do ano passado, com recuos em grandes regiões produtoras como América do Norte e China, responsável por metade do volume global da commodity.
Os preços do aço, porém, seguem no ponto mais baixo em quase seis anos diante do excesso de oferta, queda nos preços do minério de ferro e desaceleração do crescimento chinês, que fez parte significativa da produção do país ser direcionada ao exterior a preços reduzidos. A notícia pode refletir hoje nas ações das siderúrgicas listadas na Bovespa: CSN (CSNA3), Usiminas (USIM5), Gerdau (GGBR4) e Metalúrgica Gerdau (GOAU4).

Segundo dados divulgados na última sexta-feira (25) pela associação que representa o setor, Worldsteel, a produção global de aço bruto caiu para 135 milhões de toneladas em abril ante 138 milhões no mesmo período de 2014. Porém, a queda não deixou o volume produzido longe de níveis recordes o suficiente para reduzir o quadro de excesso de oferta, segundo a associação. A produção na China caiu para 68,9 milhões de toneladas, recuo de 0,7% sobre o produzido um ano antes.   

Cemig (CMIG4)
A Cemig realiza hoje o investor day. A expectativa é que a companhia divulgue seus guidances (metas) para 2015. Na quarta-feira, o STJ (Supremo Tribunal de Justiça) voltará a julgar o mandado de segurança ajuizado pela companhia que busca manter em suas mãos a concessão da usina hidrelétrica de Jaguara.

Eletrobras (ELET3; ELET6)
Representantes dos acionistas minoritários ingressaram com reclamação contra a Eletrobras na CVM (Comissão de Valores Mobiliários) para ter o direito de eleger um membro para a vaga dos detentores de papéis preferenciais. A reclamação foi protocolada pelos acionistas João Antônio Lian e Manuel Jeremias Leite Caldas, respectivamente membros do Conselho de Administração e do Conselho Fiscal. O Estatuto da Eletrobrás estabelece que o Conselho de Administração deve ter 10 membros, sendo 6 indicados pelo Ministério de Minas e Energia, 1 pelo Ministério do Planejamento, 1 pelos trabalhadores, 1 pelos acionistas com papéis ordinários e 1 pelos detentores de ações preferenciais.

Construção
O ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, disse que foram contingenciados cerca de R$ 6 bilhões do Minha Casa, Minha Vida, e que o programa ainda tem R$ 13 bilhões disponíveis para pagamento neste ano. Segundo Barbosa, o ritmo de execução do Minha Casa será adequado. Na Bolsa, as empresas que possuem maior exposição ao programa são MRV Engenharia (MRVE3) e Direcional (DIRR3).  

Educação
Nelson Barbosa citou que o Pronatec terá novas vagas este ano mesmo com o contingenciamento, "mas não tanto quando se planejava inicialmente". No Ministério da Educação, o contingenciamento foi de R$ 9,42 bilhões. 

Suzano (SUZB5)
A Suzano Papel e Celulose, que está investindo R$ 30 milhões para começar a produzir no Brasil celulose tipo "fluff", usada em fraldas e absorventes, está na fase de implementação do projeto e otimista com os testes do produto, enquanto avalia o mercado doméstico e o internacional para decidir onde vai alocar a produção. A companhia está apostando que terá vantagem na fabricação local, já que no momento todo o consumo brasileiro do insumo é importado, principalmente do sul dos Estados Unidos. Segundo dados do serviço de informações especializado no setor Risi, com os quais a Suzano trabalha, o Brasil consumiu 292 mil toneladas do insumo em 2014, volume que deve crescer 4,3 por cento ao ano nos próximos cinco anos.

Embraer (EMBR3)
A Embraer prevê entregar 62 aviões na China até 2020, segundo o Valor.

Gol (GOLL4)
A Gol teve sua cobertura iniciada com recomendação outperform (desempenho acima da média) pelo Bradesco BBI, com preço-alvo de R$ 13,00 por ação.

BR Properties (BRPR3
A Highclere ampliou sua participação para 4,61% na BR Properties após OPA (Oferta Pública de Aquisição) de ações. 

QGEP (QGEP3)
A Queiroz Galvão planeja iniciar produção no campo Atlanta em meados de 2016.  

Via Varejo (VVAR11)
A Via Varejo aprovou descontar até R$ 4,8 bilhões em recebíveis no terceiro trimestre de 2015.  

Renova (RNEW11)
A Renova aprova emissão de R$ 400 milhões em notas promissórias.  

 

Contato