Conselho de administração

Acionistas da Petrobras (PETR3 PETR4) devem eleger novo CEO após semanas de turbulência

Acionistas da Petrobras devem eleger novo CEO após semanas de turbulência

Por  Reuters -

Acionistas da Petrobras (PETR3;PETR4) vão se reunir virtualmente nesta tarde para uma assembleia que deve abrir caminho para que José Mauro Coelho assuma o comando da estatal.

Após uma dramática busca por CEOs que durou semanas, o mercado torce –e espera– que a reunião anual de acionistas na quarta-feira seja relativamente calma.

A questão chave será a eleição de 11 membros para o conselho da Petrobras. Pelo estatuto da empresa, o presidente-executivo deve ser integrante do conselho, então os acionistas precisam eleger Coelho para o órgão para que ele assuma as rédeas da empresa.

Como o governo indicou Coelho e também detém o controle acionário da Petrobras, sua eleição é amplamente esperada.

Ele também conquistou adeptos entre os acionistas do mercado com declarações apoiando políticas de livre mercado, como atrelar os preços dos combustíveis domésticos aos valores internacionais do petróleo, em vez de subsidiar o produto para os brasileiros.

Conselho da Petrobras

Uma questão mais controversa pode ser o restante do conselho.

Atualmente, o governo tem sete cadeiras, o mercado tem três e os trabalhadores uma. Os acionistas vêm tentando aumentar sua representação para quatro, embora não possam ter mais do que isso, pois o governo tem direito a uma maioria no conselho por estatuto e os trabalhadores têm direito a um representante.

Entre os candidatos indicados por acionistas que ainda não fazem parte do conselho está José João Abdalla Filho, um bilionário que detém uma fatia considerável da Petrobras e está entre os maiores investidores em bolsa do Brasil.

Este é um ano eleitoral, e muitos brasileiros desejam que a Petrobras limite os aumentos de preços da gasolina e do diesel, que dispararam recentemente.

O presidente Jair Bolsonaro anunciou em março que substituiria o presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna.

Mais tarde, o governo escolheu o consultor de energia Adriano Pires para sucedê-lo, mas ele retirou seu nome dias depois.

Em 6 de abril, o governo anunciou Coelho como sua nova escolha.

A reunião está prevista para começar às 15h no horário de Brasília e deve durar algumas horas.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe