EUA

Ação de “mico” sobe 1.900% após investidores a confundirem com outra empresa

O erro levou os investidores a investirem em uma empresa de 89 funcionários que comercializa sistemas de tráfego urbano - e que as ações valiam menos de US$ 0,01 anteontem

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – As ações da Nestor Inc. dispararam 1.900% na bolsa norte-americana nesta última terça-feira (14), impulsionadas por uma pequena confusão no seu nome. Os papéis são listados na bolsa norte-americana sobe o nome de NEST – nome de uma empresa que está nas miras do Google – e foi impulsionada pela confusão dos investidores, que tentaram se beneficiar dessa operação.

A Nest, porém, não tem capital aberto e já foi adquirida pelo Google. O erro levou os investidores a investirem em uma empresa de 89 funcionários que comercializa sistemas de tráfego urbano – e que as ações valiam menos de US$ 0,01 anteontem. Os papéis pularam de US$ 0,002 para US$ 0,04 com o erro – e não encontraram liquidez para retornar ao patamar anterior. 

A verdadeira empresa é uma fabricante de termostatos inteligentes e alarmes de fumaça e foi comprada por US$ 3,2 bilhões – o que lhe faz uma das maiores aquisições entre empresas de tecnologia. Essa não é a primeira vez que uma empresa dessas dá um salto assim: ano passado, as ações da Tweeter – uma varejista em recuperação judicial – pularam 1.200% após o Twitter anunciar que faria o IPO, somente pelo fato de ter um ticker muito parecido com o da rede social.