Primeiro pregão na Bolsa

Ação da Viveo (VVEO3) fecha em alta de 9,44% em estreia na B3

A empresa, cujo nome oficial é CM Hospitalar e tem sede em Ribeirão Preto (SP), surgiu com foco em exportação e importação de medicamentos

Por  Equipe InfoMoney -

A sessão desta segunda-feira (9) marcou a estreia das ações da Viveo (VVEO3), que teve forte alta, ainda que se distanciando um pouco das máximas do dia. Os papéis VVEO3 fecharam com forte valorização de 9,44%, a R$ 21,80. Na máxima no início do pregão, os ativos avançaram 15,36%, a R$ 22,98.

A companhia precificou na quinta-feira da semana passada (5) sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) a R$ 19,92 por papel.

A Viveo é uma distribuidora de produtos médicos. A companhia foi fundada em 1996 pela família Mafra, que hoje controla o negócio juntamente com a família Bueno, fundadora do grupo Amil.

A empresa, cujo nome oficial é CM Hospitalar e tem sede em Ribeirão Preto (SP), surgiu com foco em exportação e importação de medicamentos.

A partir de 2017, o seu crescimento foi acelerado por meio de aquisições, incluindo o grupo de higiene pessoal Flexicotton, e empresas como Biogenetix, Vitalab, Byogene, de produtos hospitalares; além de uma fatia da Far.Me, de farmacoterapia. A lista de compras incluiu ainda a fabricante de vacinas Tecnocold e a de fraldas e descartáveis Cremer.

O grupo se apresenta como líder na distribuição de materiais médico-hospitalares e medicamentos no Brasil e conta com uma participação de mercado de 7%, destacou a empresa no prospecto preliminar da oferta que tem 15 centros de distribuição no país.

A operação de abertura de capital foi realizada em agosto e captou recursos de R$ 1,8 bilhão para investir em crescimento e para aquisições, além de permitir que sócios no negócio vendam participações.

(com Reuters)

Em curso gratuito de Opções, professor Su Chong Wei ensina método para ter ganhos recorrentes na bolsa. Inscreva-se grátis e participe.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Compartilhe