Estreia na Bolsa

Ação da Brisanet (BRIT3), de fibra óptica, fecha perto da estabilidade em primeiro pregão na B3

A Brisanet se apresenta como a maior do país entre os provedores independentes de internet de fibra óptica

arrow_forwardMais sobre
Brisanet (Foto: Divulgação)

As ações da Brisanet (BRIT3) fizeram a sua estreia na B3 nesta quinta-feira (29), fechando perto da estabilidade após operarem em forte queda em boa parte do pregão. Os papéis BRIT3 fecharam com leve variação positiva de 0,07%, a R$ 13,93, após chegarem a cair 9,77% na mínima do dia, a R$ 12,56.

O preço da ação saiu a R$ 13,92 na oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), no piso da faixa estimada pelos coordenadores, que ia até R$ 17,26 cada. Ao todo, a transação totalizou R$ 1,435 bilhão.

No preço definido, com a venda de R$ 89,8 milhões na tranche primária, a empresa levantou R$ 1,25 bilhão, recursos que usará para expandir sua rede própria e aportar capital na Agility.

A Brisanet, que se apresenta como a maior do país entre os provedores independentes de internet de fibra óptica, opera em 96 cidades no Nordeste, além de sua controlada Agility Telecom, que atende 251 municípios na região.

Criada há 22 anos, a Brisanet afirma ter mais de 14,4 mil quilômetros de infraestrutura de backbone, atendendo Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco e Alagoas.

Na tranche secundária da oferta coordenada por Santander, XP, BTG Pactual e UBS-BB, atuais sócios pessoa física da companhia venderam o equivalente uma 185,5 milhões de reais de suas participações no negócio.

(com Reuters)

Transformar a Bolsa de Valores em fonte recorrente de ganhos é possível. Assista a aula gratuita do Professor Su e descubra como.