Dovish

63% dos investidores enxergam corte da Selic já na próxima reunião, diz levantamento da XP

Para 38% dos entrevistados, a taxa Selic deve ser reduzida em 0,25 ponto percentual no dia 31 de julho; já 33% esperam um corte de 0,5 ponto percentual

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O Banco Central deve reduzir a taxa básica de juros da economia, a Selic, já na próxima reunião, em 31 de julho. Essa é a opinião de 63% dos investidores consultados numa pesquisa da XP Investimentos. 

O tamanho do corte pode ser de até 0,5 ponto percentual, na opinião dos entrevistados. Para 28%, a Selic não deve ser reduzida em julho.  

Além disso, foram 53% os que consideraram o último comunicado dovish (o que indica a propensão de diminuir a Selic para estimular a economia), ante 38% que viram o texto como neutro. Apenas 9% acharam a mensagem hawkish (propensa a elevar juros para controlar a inflação).

PUBLICIDADE

No levantamento feito antes da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), ocorrida na última quarta-feira (19), eram 54% os que acreditavam em corte da Selic no mês que vem. 

Na pesquisa atual, 49% dos investidores disseram acreditar que a reação do mercado ao Copom será moderadamente positiva para compra de ativos de renda variável. Já 31% esperam que haja compras excessivas e 20% acham  que haverá venda de ações. 

Em termos de expectativas, 42% não viram mudança em relação ao que esperavam.  

A pesquisa da XP foi feita entre os dias 19 e 21 de junho com 78 investidores institucionais. Os respondentes são gestores de portfólio, economistas e consultores. 

Quer investir melhor o seu dinheiro? Clique aqui e abra a sua conta na XP Investimentos