"Importante passo"

Ação da 3R Petroleum salta 7,2% após petroleira apresentar melhor proposta por Polo da Petrobras: confira as análises

O valor da proposta foi superior a US$ 1 bilhão, informou a companhia estatal

Instalações de petróleo da Aramco
Instalações de petróleo da Aramco (divulgação)

A Petrobras (PETR3;PETR4) comunicou ao mercado nesta sexta-feira (27) que a 3R Petroleum (RRRP3) apresentou a melhor proposta pelo Polo Potiguar.

O polo contempla um conjunto de 26 concessões de campos de produção terrestres e de águas rasas, incluindo a refinaria Clara Camarão, no Rio Grande do Norte.

O valor da proposta foi superior a US$ 1 bilhão.

A Petrobras afirmou que a celebração da transação dependerá do resultado das negociações, bem como das aprovações corporativas necessárias.

A 3R declarou que a transação está alinha com a estratégia de geração de valor para os seus acionistas, por meio de aquisições de campos maduros que apresentem potencial de incremento de produção e reservas, bem como sinergias com o portfólio atual da companhia.

A Guide apontou que a notícia é positiva e, caso a proposta se concretize, será um importante passo para a 3R, não só pelo valor da proposta que é significativo para a petrolífera, mas também por gerar sinergias importantes, contribuindo com a geração de caixa.

As ações da Petrobras fecharam com ganhos de cerca de 3%, também em dia de alta para o petróleo. Já os papéis RRRP3 chegaram a saltar 7,89% na máxima do dia, a R$ 38,14, e fecharam perto da máxima, com salto de 7,21%, a R$ 37,90.

O Morgan Stanley aponta ser difícil fazer uma avaliação porque mais informações sobre o polo precisam ser divulgadas. Mas a avaliação é de que este é um movimento positivo para a 3R, dado que o programa de vendas de ativos da Petrobras está avançando e há menos campos restantes para venda neste momento.

“Além disso, acreditamos que a 3R poderia trazer parceiros para a operação de ativos não upstream do cluster (como a refinaria Clara Camarão, a planta de tratamento de gás e o Terminal de exportação de Guamaré). 3R tem sido o player mais ágil para tirar vantagem de campos há muito negligenciados e à venda pela Petrobras”, ressaltam os analistas do banco. Eles possuem recomendação overweight (exposição acima da média do mercado) para 3R, com preço-alvo de R$ 58.

PUBLICIDADE

O Itaú BBA também destaca que a história da 3R tem sido de consolidação do setor e fusões e aquisições e, nesse sentido, vê a notícia como positiva.

“Desde seu IPO, a empresa tem se apresentado aos investidores como um veículo para capturar novas oportunidades no envelhecido setor onshore do Brasil,  abundante dado o programa de desinvestimentos da Petrobras. A empresa manteve-se fiel ao seu compromisso e tem sido a maior adquirente desses ativos”, apontam os analistas.

Por outro lado, apontam que o risco de execução aumentou e que o capítulo de consolidação provavelmente ficará para trás em breve. “Como as vendas finais de ativos onshore (pela Petrobras) serão alcançadas nos próximos meses, o foco dos investidores terá que mudar de uma agenda de fusões e aquisições para de execução, e a 3R terá alguns marcos importantes pela frente, que iremos monitorar”, avaliam os analistas. Eles possuem preço-alvo de R$ 61 para a ação RRRP3 com recomendação outperform (desempenho acima da média do mercado), com os números ainda não refletindo o cluster Papa Terra ou esta última aquisição.

As melhores recomendações de investimentos por 30 dias grátis: conheça o Expert Pass