Black Friday

21% dos produtos tiveram alta de preço no Black Friday

Preço dos produtos subiu, em média, 10,12%

Por  Juliana Américo Lourenço da Silva -

SÃO PAULO – Apesar de a organização do Black Friday Brasil e os varejistas participantes tentarem apagar a imagem negativa dos eventos passados da mente dos consumidores, um levantamento realizado pelo Provar (Programa de Administração de Varejo), junto com a Íconna Monitoramento de Preços no E-commerce, mostra que 21,4% dos produtos comercializados no dia 29 de novembro tiveram alta no preço durante o evento.

Segundo a pesquisa, que analisou uma cesta de 1.320 itens, incluindo eletrodoméstrico e eletroeletrônicos, o preço dos produtos que tiveram alta subiu, em média, 10,12%. Por outro lado, 9,53% dos itens registrou redução de 10,96% nos preços, durante o Black Friday.

Além disso, levando em conta os 5 períodos analisados (01/11 a 10/11; 11/11 a 20/11; 21/11 a 28/11; 29/11; e 30/11 a 06/12), observou-se um aumento médio de 2,24% nos preços pesquisados.

Veja abaixo quais foram as médias de preço para cada período avaliado:

 

1º período

2º período

3º período

4º período

5º período

Média

R$ 1.165,92

R$ 1.179,10

R$ 1.202,68

R$ 1.220,87

R$ 1.201,87

Black Friday 2013
No Brasil, as compras do Black Friday somaram R$ 770 milhões e 1,9 milhões de pedidos, com ticket médio de R$396. No ano passado o faturamento foi R$243,8 milhões, 599 mil pedidos com gasto médio de R$ 407,37.

Compartilhe