Em itauunibanco

Itaú Unibanco tem lucro de R$ 25,7 bilhões em 2018, alta de 3,4%

Banco teve alta em seu lucro no quarto trimestre, mas ficou levemente abaixo do esperado pelos analistas da XP Investimentos

Agência do itaú
(Divulgação)

SÃO PAULO - O Itaú Unibanco (ITUB4) encerrou o quarto trimestre de 2018 com lucro líquido recorrente de R$ 6,478 bilhões, uma alta de 3,15% ante o mesmo período do ano anterior. O resultado ficou levemente abaixo da projeção de R$ 6,65 bilhões dos analistas da XP Investimentos e do Brasil Plural.

O retorno sobre o patrimônio líquido do banco ficou em 21,8%, levemente abaixo dos 21,9% registrados um ano antes. Enquanto isso, a margem financeira total atingiu R$ 17,382 bilhões entre outubro e dezembro de 2018, praticamente estável na comparação anual.

Em seu release de resultados, o Itaú ressaltou que o principal destaque positivo de seu balanço no quarto trimestre foi o crescimento de 6,5% da receita de prestação de serviços, que se deu principalmente em função das receitas de banco de investimento, de administração de fundos e de cartões de crédito.

Enquanto isso, os crescimentos das carteiras de crédito de pessoas físicas e de micro, pequenas e médias empresas de 5,7% e de 4,9%, respectivamente, impulsionaram o aumento da margem financeira com clientes.

Por outro lado, destaca o banco, esses efeitos foram parcialmente compensados pelo aumento sazonal das despesas não decorrentes de juros e pelo crescimento do custo de crédito em função do aumento de
impairment de títulos privados no Banco de Atacado no Brasil.

Já no acumulado do ano passado, o banco registrou um lucro de R$ 25,733 bilhões, uma alta de 3,43% ante os R$ 24,879 bilhões de 2017. Enquanto isso, o retorno sobre o patrimônio líquido teve alta, passando de 21,8% para 21,9% no anualizado.

O custo do crédito, que considera as despesas com provisões contra calotes, descontos e baixas em títulos, ficou em R$ 3,415 bilhões entre outubro e dezembro, uma queda de 19,8% ante o mesmo período de 2017, quando o custo ficou em R$ 4,257 bilhões.

O índice de inadimplência acima de 90 dias, por sua vez, ficou estável em 2,9% na comparação com o terceiro trimestre. Em um ano, porém, o índice teve queda ante os 3,1%.

Quer investir melhor o seu dinheiro? Clique aqui e abra a sua conta na XP Investimentos

Dividendos e juros sobre capital próprio
Após o balanço, o Itaú anunciou também que seu conselho de administração aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 1,0507 por ação, e também de juros sobre capital próprio de R$ 0,7494 por ação. O pagamento ocorrerá no dia 7 de março.

Além disso, o banco informou que os dividendos anunciados em 29 de novembro do ano passado, no valor bruto de R$ 0,0106 por ação (líquido de R$ 0,00901 por ação), também serão pagos no dia 7 de março.

 

Contato